Probióticos: saiba o que são, seus benefícios e onde encontrá-los

Um sono de qualidade, ansiedade sob controle, quilos a menos, imunidade potencializada e até uma pele saudável dependem desses bichinhos do bem.

Você provavelmente já ouviu de algum médico que o intestino é o nosso segundo cérebro. Pode parecer exagero, mas os números provam a importância do órgão. “Temos dez vezes mais bactérias do que células no corpo humano”, explica a endocrinologista e nutróloga Haládia Simião, de São Paulo. Quando ainda somos embriões, os primeiros órgãos a serem formados são o cérebro, o intestino e a pele. “Na vida adulta, eles se mantêm interligados, ou seja, tudo o que se passa em um se reflete no outro”, explica Mika Yamaguchi, farmacêutica do laboratório Biotec, em São Paulo. E é daí que se justifica a importância de uma flora intestinal saudável, com um equilíbrio entre as bactérias maléficas e as do bem para uma saúde que se estenda da cabeça aos pés.

E essa é exatamente a função dos probióticos, grupo de micro- -organismos que favorecem a reprodução das bactérias aliadas da nossa saúde, impedindo a proliferação em excesso das ruins, responsáveis pela produção de substâncias tóxicas e doenças. Além de terem efeitos positivos e consideráveis na boa forma, eles estão relacionados à qualidade da imunidade, da pele, do sono e, acredite, até do humor. Um artigo da Psychiatry Research, revista científica norte-americana, revelou o potencial dos probióticos na diminuição de episódios de emoções negativas.

Consumo imediato

No dia a dia, esses bichinhos do bem estão disponíveis em diversos tipos de alimentos ricos em fibras, incluindo os lácteos fermentados, as verduras, os legumes e as frutas. “A ingestão descontrolada de industrializados, açúcares e carboidatros é outro fator que faz com que a flora nociva seja maior do que a benéfica”, comenta Mika. Para esses casos, a suplementação é mais do que bem-vinda. Sachês e cápsulas são formatos fáceis de serem encontrados, em farmácias e lojas de bem-estar, mas requerem indicação. Cada pessoa tem uma flora bacteriana, tal qual uma impressão digital, e os desequilíbrios nela podem ser causados pelos mais variados fatores. “Quem tem lesões intestinais graves ou imunidade muito suprimida, por exemplo, pode ter translocação bacteriana, que é quando elas caem na corrente sanguínea, em vez de irem para o instestino, e causam problemas”, alerta Haládia. Por isso, a visita a um médico para avaliação e pesquisa é indispensável.

Por todos os lados

Existe ainda a vantagem de usar os probióticos em cosméticos. “Cremes contendo a bactéria da família estreptococo apresentam um aumento significativo da barreira de ceramidas em peles sensíveis e secas”, explica a dermatologista Karla Assed, do Rio de Janeiro. Na prática, isso significa a ampliação da qualidade de defesa da pele e melhora da resposta imune. Justamente por isso, as formulações de uso tópico com esse tipo de ativo têm se mostrado úteis no tratamento de disfunções como acne, psoríase e rosácea, principalmente em casos de pele sensível ou muito exposta a poluição e estresse. De quebra, oferecem vantagens anti-idade por estimular a sustentação e a hidratação cutâneas. “Recentemente, descobriu-se que o envelhecimento é uma consequência de inflamações sistêmicas e que os probióticos agem justamente na diminuição dessas crises”, diz Alberto Cordeiro, dermatologista da clínica Horátios, em São Paulo.

Os benefícios dos probióticos

  • Melhoram o processo digestivo, evitando a constipação e facilitando o aproveitamento dos nutrientes presentes na comida.
  • São ricos em aminoácidos essenciais, como o triptofano, responsáveis pela produção da serotonina, o hormônio do prazer.
  • Uma vez produzida, a serotonina é a encarregada da síntese de melatonina, hormônio que induz a um sono restaurador.
  • Favorecem a formação de várias vitaminas, entre elas a B12, o ácido fólico e o cálcio, indispensáveis para o bom funcionamento do metabolismo humano.
  • Estimulam a sustentação e a hidratação da pele, assumindo um importante papel anti-idade.
  • Reduzem a ocorrência de processos inflamatórios também nas células adiposas, favorecendo a diminuição de medidas e peso.
  • Agem como aliados da imunidade, melhorando a absorção dos minerais e das vitaminas e minimizando a ação das toxinas causadoras de disfunções.

Onde encontrá-los

Alimentação

Na versão in natura ou na forma de suplementos, alguns ativos são os aliados ideais para você ingerir probióticos no dia a dia. Entre os favoritos, destaque para o já conhecido iogurte natural e também para o kefir e o kombuchá, duas tendências em alta no mercado de saúde.

O kefir é uma colônia com mais de 30 bactérias do bem, como lactobacilos e leveduras. O cultivo em casa, imerso em leite ou na água, exige cuidados diários, o que faz da versão em cápsulas, já pronta, uma alternativa.

Suplemento Kefir Real, Biologicus, R$ 110, biologicus.com.br.

Suplemento Kefir Real, Biologicus, R$ 110, biologicus.com.br. (/)

Ricos em fermentos lácteos, os iogurtes são a fonte de probióticos mais conhecida. Procure por opções naturais, com zero adição de açúcares e baixo percentual de gordura.

Iogurte Grego Natural 2% Gordura, Yorgus, R$ 4,40, yorgus.com.br.

Iogurte Grego Natural 2% Gordura, Yorgus, R$ 4,40, yorgus.com.br. (/)

Enriquecidos com sabores como hibisco e maracujá, os chás fermentados, chamados de kombuchás, combinam diferentes espécies de micro- -organismo, incluindo o kefir.

Kombucha Hibisco, Companhia dos Fermentados, R$ 12, tel. (11) 2369 5700.

Kombucha Hibisco, Companhia dos Fermentados, R$ 12, tel. (11) 2369 5700. (/)

Beleza

Febre do momento no skincare, os probióticos migram do prato de comida direto para os potes de cremes para potencializar a integridade e a função de proteção da pele.

Combina lactobacilos e bifidas para potencializar a restauração noturna e entregar uma aparência rejuvenescida.

Sérum Advanced Night Repair, Estée Lauder, US$ 65, esteelauder.com.

Sérum Advanced Night Repair, Estée Lauder, US$ 65, esteelauder.com. (/)

Também com a bactéria bifida, tem uso indicado para reduzir a irritabilidade em peles sensíveis.

Fluido Slow Age, Vichy, US$ 39, walgreens.com.br.

Fluido Slow Age, Vichy, US$ 39, walgreens.com.br. (/)

Combina os probióticos a antioxidantes para minimizar a vermelhidão e a acne.

Creme Daily Releaf Redness, Clinique, R$ 289, clinique.com.br.

Creme Daily Releaf Redness, Clinique, R$ 289, clinique.com.br. (/)

As bactérias do bem potencializam o efeito da ectoína, ativo que protege a pele das agressões externas e internas.

Hidradefense Aqua Solution, Adcos. R$ 109, adcos.com.br.

Hidradefense Aqua Solution, Adcos. R$ 109, adcos.com.br. (/)

Extratos botânicos, óleos essenciais e probióticos misturados dão um aspecto luminoso ao rosto.

Miracle Cleanser, Aurelia, US$ 62, net-a-porter.com.

Miracle Cleanser, Aurelia, US$ 62, net-a-porter.com. (/)