6 dicas para conseguir um emprego online

Encontrar e oferecer vagas online é um recurso cada vez mais adotado por empresas e candidatos. Aprenda a usar o mundo virtual a seu favor

6 dicas para conseguir um emprego online

Encontre oportunidades profissionais online por meio de agências de recrutamento e redes sociais
Foto:Getty Images

A internet revolucionou o mercado de trabalho. Antes, os anúncios impressos atingiam um número menor de profissionais e a probabilidade de alguém descobrir a oportunidade da sua carreira era limitada”, diz o consultor em recursos humanos Johnatan P. Abraão, de São Paulo.

Há modalidades distintas de negócios na rede. Alguns sites e agências cobram dos candidatos para divulgar os seus CVs. Também há portais que cobram das empresas para que elas acessem os seus bancos de dados. “Um dos benefícios das agências que cobram dos candidatos é que elas buscam as empresas de forma insistente e acabam atingindo muitas delas”, diz. Já pensando pelo lado da empresa, os sites pagos nem sempre oferecem candidatos adequados à vaga. “Por isso, os gratuitos são acessados também”, afirma Abraão.

O LinkedIn é outra ferramenta usada por candidatos e empresas. Mas ele funciona mais para cargos altos. “As grandes corporações costumam buscar o candidato, mais do que esperar que o anúncio seja visto por ele, e para isso o LinkedIn cai como uma luva”, explica o consultor. A dica para uma boa empregabilidade, garante, é disponibilizar o seu currículo em sites pagos e gratuitos. “E sempre mantenha o CV atualizado, pois muitos sites priorizam os candidatos que atualizaram os seus dados recentemente”, ressalta.

O currículo deve ser fácil de ler e organizado em tópicos objetivos. “Faça uma lista com as principais atividades, saiba como destacar as informações positivas e os seus diferenciais”, aconselha. Vale lembrar que, para ter resultado, é necessário dedicar ao menos três horas diárias para preencher cadastros, pesquisar agências e enviar currículos. Sites de empresas ligadas à sua área de atuação, que tenham links como “Trabalhe Conosco”, devem ser priorizados. Por fim, não se esqueça de que Facebook, Twitter e grupos de discussão também são canais importantes. “Um bom network nunca falha”, conclui Abraão.

Para se dar bem online

O consultor em tecnologia Julio Preuss, do Rio de Janeiro, dá dicas preciosas para você se destacar no universo virtual

1 – Leia atentamente a descrição da vaga

“E então se antecipe a possíveis dúvidas que o recrutador pode ter. Por exemplo: se a vaga é em São Paulo e você mora em Belo Horizonte, deixe claro que tem facilidade e vontade de mudar de cidade; se não possui experiência específica na área, explique por que acredita que possa ser a candidata perfeita”, aconselha.

2 – Revise o seu texto com atenção

Seja no e-mail de resposta, seja no próprio currículo, tome muito cuidado para não deixar passar erros de português ou vacilos de digitação.

3 – Envie o currículo em formato adequado

Há quem prefira receber as suas qualificações em formato texto, no corpo do e-mail, e quem goste de um documento de Word mais estruturado. Os arquivos em PDF, RTF ou qualquer formato relativamente universal são os mais adequados, segundo o consultor. “Acho arriscado mandar em DOCX, caso o recrutador não tenha a última versão do Office”, pontua ele.

4 – Tome cuidado na escolha do e-mail

Evite usar servidores muito populares, como hotmail e afins. “Um e-mail com o seu próprio domínio é relativamente simples de criar e ajuda bastante no marketing pessoal”, diz Preuss.

5 – Cuide dos seus perfis online

Colocar o link para o perfil nas redes sociais facilita o trabalho de um recrutador decidido a bisbilhotar a sua vida. Mas, independentemente de divulgar ou não os perfis no currículo, a chance de investigarem o seu Facebook e LinkedIn são grandes. A forma como você se apresenta, as comunidades de que faz parte e os comentários dos seus colegas dizem muito sobre você.

6 – Esteja onde o seu futuro chefe está

Entre em grupos que têm a ver com a sua profissão e participe ativamente deles, para construir uma boa imagem junto às pessoas antes mesmo de aparecer uma vaga. Quase toda profissão tem grupos de discussão no Google ou no Yahoo Groups, basta procurá-los.
 

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s