Conheça as youtubers que estão sacudindo o mercado da marcenaria

Fernanda Sanino e Leticia Piagentini deixaram o emprego para abrir uma marcenaria, e agora estão fazendo sucesso com suas dicas nas redes sociais.

A Lumberjills é a empresa de marcenaria do momento nas redes sociais. Comandada por duas mulheres que deixaram o emprego estável para empreender na marcenaria, o perfil tem incentivado mulheres a começar seu próprio negócio, mesmo que seja em um mercado dominado pelos homens.

Fernanda Sanino e Leticia Piagentini, ou Fê e Lets, como preferem ser chamadas, eram gerentes (e amigas) na área comercial de uma multinacional. Apesar do sucesso no mundo corporativo, o sonho dessas mulheres era deixar de lado a estabilidade para abrir o próprio negócio. 

“Sempre quis empreender. Procurei algo que já tivesse alguma aptidão e, como desenho bem, nasceu a ideia de fazer um curso de desenho de móveis. Também sempre gostei de trabalhos manuais. Acredito que a junção das duas coisas me colocou no mundo da marcenaria”, conta Lets. Já Fê queria a liberdade criativa que apenas o empreendedorismo lhe proporcionaria: “o que me atraiu na verdade foi ter o meu próprio negócio, onde eu pudesse colocar toda a energia em algo meu”.

Determinadas a colocar o sonho em prática, as amigas iniciaram cursos e estágios na área da marcenaria, mas perceberam que o ambiente era dominado pelos homens.”Não havia nem banheiro que eu pudesse usar na oficina do estágio”, desabafa Lets.

Em janeiro de 2015, surgiu a Lumberjills. No início, a magia acontecia na garagem da mãe de Lets mesmo, mas hoje a oficina possui local próprio: uma casa em Santo André, adaptada para acomodar escritório e marcenaria. Por enquanto, as encomendas ficam por conta de Lets e Fê, mas de vez em quando elas contratam uma ajudinha.

O nome da marcenaria traduz o grande diferencial da empresa: “lumberjack” é o termo da língua inglesa para “lenhador”, e “lumberjill” é o seu feminino. A palavra surgiu na década de 1940, quando devido à Segunda Guerra Mundial, mais de 6000 mulheres foram recrutadas pelo exército britânico para trabalhar em florestas e serrarias enquanto os homens estavam em combate. As lenhadoras aprenderam a cortar árvores com machados, construir navios e aeronaves.

Lumberjills

 (@lumberjills/Instagram)

Boa parte da clientela da Lumberjills é formada por mulheres: 85% do público que acompanha as redes sociais de Lets e Fê se identificam com o sexo feminino. “É preciso que as mulheres vejam com exemplos concretos que podem ocupar o lugar que elas quiserem, independentemente de gênero. Recebemos mensagens que somos inspiração para muitas mudarem de carreira ou mesmo procurarem um curso de marcenaria como hobby”.

O canal do Youtube e o Instagram das moças estão crescendo cada vez mais, os amantes de reformas e decoração ficam muito ligados nas dicas dessas marceneiras. Não se trata apenas de como colocar a mão na massa, Lets e Fê são antenadas nas tendências de décor, e já tiveram até algumas clientes famosas, como Ju Romano e Nath Araújo.

O negócio cresceu e as Lumberjills se tornaram referência, já foram convidadas para dar pequenos tutoriais em programas, como o “É De Casa” da TV Globo, e hoje estão comandando cursos de marcenaria. A lojinha virtual também é um sucesso – os clientes podem encontrar desde pequenos objetos de decoração até alguns móveis que só a marcenaria poderia criar, além do contato da dupla para combinar projetos do zero.

Confira alguns dos trabalhos das Lumberjills:

Olha essa mesinha

Lumberjills

 (lumberjills.com.br/loja/Divulgação)

O porta-taças

Lumberjills

 (lumberjills.com.br/loja/Divulgação)

Os móveis desse quarto infantil

Lumberjills

 (lumberjills.com.br/loja/Divulgação)

E esse vasinho diferentão ❤

Lumberjills

 (lumberjills.com.br/loja/Divulgação)

As Lumberjills são o exemplo concreto de que se arriscar e empreender pode ser muito bom. “Planejem-se, e comecem! Coragem e determinação. Tudo parece clichê, mas o óbvio bem-feito é caminho de sucesso. E não se iludam, empreender é extremamente satisfatório, mas trabalhamos 24/7″, dizem.

☆ Pedras, cristais e rituais de proteção: saiba como usar ☆