Black Friday 2018: 14 livros imperdíveis com descontão na Amazon

Uma seleção com obras para todos os gostos (mas cada uma muito maravilhosa do seu jeitinho) e preços beeem amigos. #LeiaMulheres

A Black Friday, essa linda, traz toda uma sorte de promoções: em beleza, moda, decoração e até nas suas comidas favoritas. Mais do que isso, é uma data que também permite comprar com preços amigos alguns livros a mais para sua coleção – ou para presentear porque livro bom é livro passado para frente.

Para ajudar você nessa tarefa deliciosa, a gente, aqui do MdeMulher, fez uma seleção de títulos queridinhos por aqui e que estão com descontões na loja da Amazon. E, ó, tem para todos os gostos (mas cada um muito maravilhoso do seu jeitinho).

As opções vão desde a celebrada escrita da autora Elena Ferrante, passando por leituras importantes e atuais, como o “Quem Tem Medo do Feminismo Negro?”, da Djamilla Ribeiro, até sensações voltadas para jovens adultas, como “O Ódio que Você Semeia”, “Para Todos os Garotos que já Amei” e “Filhos de Sangue e Osso”.

Vem  descobrir.

1. A Amiga Genial: Infância, adolescência, por Elena Ferrante

amiga-genial

Sabe aquela amizade que, na mesma medida, faz um bem danado, mas também é tóxica?! Essa é a relação de Lenu e Lila, duas amigas inseparáveis que, com o passar dos anos em uma Nápoles pobre e arrasada do pós-guerra, vão descobrindo o melhor – e o pior – de cada uma. É impossível ler e não lembrar de alguém que está ou já passou por sua vida. A escrita perfeita de Elena Ferrante opera por meio da empatia e, ao final das páginas, é tarefa difícil não se encantar e viciar pela jornada das heroínas. Primeiro livro da Série Napolitana, tetralogia já considerada como um dos grandes trabalhos da literatura contemporânea, “Amiga Genial” acompanha a infância e o início da adolescência dessas duas garotas com um laço especial e, ao mesmo tempo muito frágil. Recentemente, virou série milionária pela HBO.

De: R$ 44,90

Por: R$ 19,90*

2. Para Todos os Garotos que Já Amei, por Jenny Han

para-todos-os-garotos-que-já-amei

Ai, sabe, às vezes, a gente só quer passar o tempo com alguma coisa leve, que faça a gente sonhar um pouco e, talvez, voltar à adolescência. “Para Todos os Garotos que Já Amei”, que recentemente foi adaptado para o cinema pela Netflix e se tornou um dos filmes mais assistidos de todos os tempos da plataforma, tem esse poder. É como se acompanhar Lara Jean, a protagonista e típica heroína de comédia romântica , fosse também como fazer uma rápido exame da sua própria vida no Ensino Médio – com as delícias, os amores e, obviamente, os momentos de vergonha. Na história, ela tem cinco cartas de amor guardadas no fundo do armário – uma para cada crush da vida dela – a ação, no entanto, acontece quando esses “tesouros” desaparecem e vão na mão de cada um desses rapazes. Para devorar em uma sentada.

De: R$ 39,90

Por: R$ 21,90*

3. O Ódio que Você Semeia , por Angie Thomas

o-ódio-que-vc-semeia

Outro best-seller adaptado para o cinema (estreia no Brasil em 6 de dezembro), “O Ódio que Você Semeia” é mais um livro dessa boa sofra recente de livros “YA” (do inglês young adults e traduzido por aqui como “jovens adultos”, mas nas livrarias vão estar erroneamente na seção de “literatura infanto-juvenil”), aqueles que tratam de temas que a ~alta literatura~, muitas vezes, se recusa a discutir, como sexualidade, depressão, bullying e racismo. Nele, por meio dos olhos da protagonista Starr, entramos em dois mundos: o da escola rica e “branca” frequentada por ela e o do bairro periférico e negro onde vive. Para cada lugar, um certo tipo de atitude é adotado por ela. Em ambos, diversas expectativas de como ela deve se comportar. Logo no início da leitura, um grande choque para quem nunca se viu inserido em uma realidade como a da heroína: um dos melhores amigos é assassinado injustamente ao lado dela por um policial. Em luto, ela vai tentar descobrir, muitas vezes sozinha, qual o melhor caminho a seguir.

De: R$ 42,90

Por: R$ 23,20*

4. Jane Eyre (Biblioteca Áurea), por Charlotte Brontë

jane-eyre

Está a fim de começar uma maratona clássicos da literatura mundial e não sabe por qual lugar começar? “Jane Eyre”, obra-prima da britânica Charlotte Brontë (sim, a irmã das também escritoras famosas Emily e Anne Brontë) é uma boa pedida. Revolucionário, é um dos primeiros livros a trazer uma protagonista mulher com sentimentos, vontades e atos completamente diferentes do tempo dela. Jane, que deve ter nascido aquariana, quando criança se torna órfã, vai morar com uma tia, mas é em um internato onde deve ficar boa parte da vida. Depois de adulta, consegue um emprego como governanta e, inevitavelmente, se apaixona pelo patrão. Leitura obrigatória para as romanticonas de carteirinha.

De: R$ 69,90

Por: R$ 27,90*

5. Por Trás de Seus Olhos, por Sarah Pinborough

por-trás-dos-seus-olhos

Lembra quando, no primeiro episódio de “Grey’s Anatomy”, a Meredith conhece o Derek Shepherd no bar em frente ao hospital só para, no dia seguinte, descobrir que ele era tipo chefe dela? A premissa de “Por Trás dos Seus Olhos” é mais ou menos essa e, inclusive, Louise, uma mãe solteira, também começa um tórrido caso de amor com o patrão dela. E mais: fica meio que sem querer AMIGA da esposa dele. Não tem como isso dar certo, não é mesmo? E não dá porque ninguém é o que parece ser. “Por Trás de Seus Olhos” é aqueles suspenses clássicos que brincam com as nossas impressões dos personagens, quando você acha que alguém está indo para o ponto B, a pessoa está indo para o lado Z – uma loucura! Para ler rapidinho e spoiler: o final deve dividir opiniões. Não confundir com a trama do filme homônimo estrelado pela Blake Lively.

De: R$ 44,90

Por: R$ 24,80*

6. Garotas Tristes, por Lang Leav

garotas-tristes

Mais um dessa boa safra de livros YA! Após uma mentira criada por Audrey, uma das colegas de escola dela comete suicídio e é, a partir desse evento trágico, que ela começa de desenvolver ataques de ansiedade e pânico. Como se isso não fosse suficiente, as duas melhores amigas dela começam a se afastar e agir de forma diferente. A vida não parece muito fácil, mas um novo romance com um cara todo misterioso, na cabeça dela, pode ser a solução para lidar com a culpa e, principalmente, agir como se nada tivesse acontecido. Será? Um livro que reflete sobre as consequências de cada ato e como não podemos negligenciar a nossa saúde mental.

De: R$ 39,90

Por: R$ 23,90*

7. O Conto da Aia, Margaret Atwood

o-conto-da-aia

Algumas obras, como o “O Conto da Aia”, causam tanto impacto cultural que quase nem precisam de muita introdução, não é mesmo?! O romance distópico da canadense Margaret Atwood foi escrito em 1985, mas é tão atual que, no ano passado, se tornou uma premiada e popular série do serviço de streaming Hulu. Em um futuro (não tão distante), as mulheres se tornam propriedade de um Estado teocrático e, bem, passam por todo o tipo de violência, humilhação e opressão. E quando você acha que o fundo do poço chegou, ele sempre dá aquele jeitinho de ser um pouquinho mais fundo.

De: R$ 44,50

Por: R$ 21,90*

8. Fome, por Roxane Gay

fome

A gente não vai enganar você: esse não é um livro fácil de ler, mas, nossa, como é necessário! Roxane Gay, além de ser um voz muito ativa no Twitter, faz parte de uma nova – e celebrada – geração de autoras norte-americanas que não tem medo de tocar em assuntos que, por anos, foram negligenciados. Como ela mesma define, “Fome” é uma autobiografia do corpo dela, de como, durante a vida dela, precisou lidar com todo o tipo de olhares por não corresponder as expectativas de um ~peso ideal~. Após sofrer um abuso sexual aos 12 anos, ela começou a comer compulsivamente como forma de atenuar o trauma e, principalmente, afastar as pessoas, especificamente os homens. Não é uma história sobre antes e depois, sobre êxitos milagrosos, é mais sobre se colocar no lugar de uma outra pessoa, entender a dor dela. Uma das leituras mais poderosas de 2018.

De: R$ 39,90

Por: R$ 14,90*

9. Filhos de Sangue e Osso (O Legado de Orïsha Livro 1), por Tomi Adeyemi

filhos-de-sangue

Um livro de fantasia YA inspirado na mitologia iorubá, não é fantástico? Nessa história, a primeira de uma trilogia chamada “O Legado de Orïsha”, Zélie é uma jovem idealista que luta contra um governo opressor que, no passado, baniu toda a mágica do mundo. Filha de uma maji (pessoas capazes de fazer magia), executada quando ela tinha apenas 6 anos, essa garota sabe que a magia não é essa coisa tão ruim como tentam fazer parecer. Na verdade, é algo que torna cada um de nós único. E, junto do irmão Tzain e de Amari, filha do rei, ela vai embarcar em uma jornada muito perigosa para salvar a magia do mundo e libertar todo um povo da escravidão. Primeiro livro de Tomi Adeyemi, que já foi até comparada com JK Rowling, ele é um best-seller mundial e já tem, inclusive, os direitos comprados pela Fox para uma adaptação cinematográfica.

De: R$ 59,90

Por: R$ 29,90*

10. Quem Tem Medo do Feminismo Negro?, por Djamilla Ribeiro

quem-tem-medo-do-feminismo-negro

Como ela mesma já disse, “existe uma necessidade real de entender que existem várias mulheres e especificidades”. Em “Quem Tem Medo do Feminismo Negro”, a filósofa e ativista Djamila Ribeiro reúne alguns dos artigos publicados por ela no blog da revista Carta Capital que, de forma didática, mostram como, de uma vez por todas, é preciso deixar de lado a noção de que as pessoas são todas iguais e lutam pelas mesmas coisas. Isso não é verdade e, nesse livro, ela traz fatos e relatos sobre o aumento da intolerância às religiões de matriz africana; os ataques a celebridades como Maju ou Serena Williams; o uso do termo “mulata”; o blackface; e a importância da interseccionalidade . Além disso, ela recheou a publicação com um autobiográfico inédito sobre a vivência dela como mulher negra desde a infância. Leitura obrigatória, hein?!

De: R$ 29,90

Por: R$ 22,90*

11. A Hora da Estrela, por Clarice Lispector

a-hora-da-estrela

Não conhece muito a obra dela e quer sair das frases prontas de Facebook? “A Hora da Estrela”, o último romance de Clarice Lispector, é ironicamente um bom ponto de partida para entender todo o legado dela. Com uma linguagem mais acessível, o narrador fictício Rodrigo S.M conta a história da jovem Macabéa. Pobre de tudo, ela sonha um dia ser uma estrela de cinema, tipo Marilyn Monroe. Durante a narrativa, conhecemos afundo os pensamentos dela, os conflitos e as estranhezas. Em determinada passagem, decide comer um creme há muito cobiçado em vez de usá-lo na pele. Um livro que também reflete sobre o vazio da vida – tema favorito da autora.

De: R$ 20,00

Por: R$ 9,90*

12. Os Homens Explicam Tudo Para Mim, por Rebecca Solnit

os-homens-explicam tudo para mim

A partir do famoso ensaio “Os Homens Explicam Tudo para Mim” (que também dá nome ao livro), no qual relata um episódio – a que ponto os homens chegaram! – no qual um cara passa uma festa inteira indicando para ela um livro que ela mesma escreveu, a jornalista, ativista e autora Rebecca Solnit reúne uma série de textos sobre os diversos tipos de violência contra a mulher desde o início dos tempos. Uma verdadeira aula sobre mansplaining, o nome que se dá quando um homem de forma paternalista silencia uma mulher por achar que sabe mais do que ela sobre determinado tema, feminismo e o silenciamento da mulher. Um verdadeiro tapa na cara do patriarcado.

De: R$ 34,00

Por: R$ 20,40*

13. As Garotas, por Emma Cline

as-garotas

Fenômeno literário, “As Garotas” de forma bem simplista analisa os crimes cometidos pelo culto de Charles Manson, no final dos anos 1960, por uma ótica feminina. Não é um retrato fiel do que aconteceu no verão de 1969 – aliás, os nomes são trocados na obra. Na verdade, a autora Emma Cline está mais interessada em contar uma história de descoberta e amadurecimento da protagonista Evie. Sim, ela também é atraída pelo carismático líder do culto, mas o motivo maior dela estar lá tem outro nome: Suzanne. É impossível parar de ler.

De: R$ 39,90

Por: R$ 14,96*

14. o que o sol faz com as flores, por rupi kaur

o-que-o-sol-faz-com-as-flores

Com mais de 100 mil exemplares de “outros jeitos de usar a boca” vendidos por aqui, rupi kaur (se escreve em caixa baixa mesmo!) é um fenômeno no Brasil. Nessa mesma pegada, “o que o sol faz com as flores” traz uma coletânea de poemas daquele exato jeitinho que tornou a autora famosa. A partir de uma analogia com a jornada das flores (murchar, cair, enraizar, crescer, florescer), ela reflete sobre crescimento, amadurecimento e cura.

De: R$ 34,90

Por: R$ 16,70*

*Preços pesquisados em 22 de novembro.

☆ Será que seu signo tem a ver com o signo do crush? Entenda o que é e do que fala a sinastria ☆