Pink faz discurso empoderador no VMA 2017

E a cantora ainda homenageou a filha de 6 anos que estava na plateia assistindo ao show.

Pela primeira vez em 33 anos, o VMA 2017 não dividiu as categorias do evento por gêneros. E neste ano, Pink, a grande homenageada da noite, fez um discurso empoderador que emocionou a todos. Ao receber o prêmio das mãos da apresentadora Ellen DeGeneres, ela relatou um episódio que vivenciou dentro de casa.

A cantora, que é mãe de Willow Sage, de 6 anos, e Jameson Moon, de 8 meses, revelou que ficou surpresa quando, ao levar primogênita para a escola, ela disse que era feia. “Eu tenho cabelo grande, mas pareço um menino”, confessou a menina para a mãe.

A artista comentou que não fez nada no momento, mas, ao chegar em casa, preparou uma apresentação para a pequena com grandes estrelas andróginas como Michael Jackson, David Bowie, Elton John e Janis Joplin. Ela disse para a filha que também recebe críticas de pessoas que falam que ela é masculina e tem um corpo forte.

E foi a partir disso que veio o ensinamento: “Nós não mudamos. Nós ajudamos outras pessoas a mudarem para que elas possam ver mais tipos diferentes de beleza”, reforçou Pink. “E você, minha filha querida, é linda e eu te amo”, disse acenando para a pequena que estava na plateia assistindo ao show.

View this post on Instagram

I mean…. 😍❤️😍 #vmas

A post shared by P!NK (@pink) on