Dieta antiestresse: acabe com o cansaço e emagreça

Você vive irritada, infeliz e engordando? Então confira bons conselhos de especialistas para dar fim ao estresse e emagrecer tranquilamente

Expulse o estresse da sua vida e afine a cintura!
Foto: Getty Images

Trabalho, casa, filhos, marido… Tudo isso dá um baita cansaço e, quando vê, você está atacando a geladeira de madrugada ou beliscando algo ao longo do dia. Daí você engorda e nem sabe o motivo, né? Mas ele tem nome: estresse. Cerca de 9 entre 10 pessoas no mundo são afetadas por esse mal, e agora mesmo deve ter alguém surtando perto de você. “O estresse é uma reação do organismo para se defender, como durante um assalto”, diz a nutróloga e mestre em dietética Regina Mestre.

O estresse engorda porque diminui a sensação de bem-estar que o próprio organismo produz naturalmente, quando não está sobrecarregado. “Os estressados comem para fugir daquilo que vivem. A comida, especialmente pães, massas e açúcar, funciona como um refúgio porque temporariamente dá a sensação de bem-estar”, afirma a psicóloga Andreia Calçada. A seguir, aprenda a derrotar o estresse e perca os quilinhos que não te fazem falta.

Você sofre com estresse?

Se você não come por fome (mas por compulsão), se vive beliscando e só para de comer quando acaba com tudo que viu pela frente; se come o dia todo ou nem lembra o que comeu, algo está errado. Procure um especialista.

Odeio o meu chefe. Odeio o meu emprego!

Dieta antiestresse: acabe com o cansaço e emagreça

Não guarde para si os problemas 
do trabalho
Foto: Getty Images

Antes de sair berrando, pare e respire. “Se a pessoa estiver infeliz no trabalho, deve conversar, expor o problema de uma forma adequada, sem agressividade. Se esse não está legal, é só pular para outro, sem medo”, explica Andreia. Muitas vezes pensamos que vivemos em uma rotina e que tudo vai ficar assim para sempre. Primeiro você precisa perceber o que te incomoda para depois buscar soluções. “O ideal é detectar o estresse desde o início para combatê-lo de forma eficaz. Afinal, tudo no começo é menor”, afirma Andreia.

Sua família não ajuda?

Tem gente que acha que pode resolver o problema da família toda, mas colocar-se em primeiro lugar é uma regra para conseguir resolver seus próprios problemas, e só então tentar ajudar os outros. Tem filhos? Então veja o que eles precisam. Depois, vá arrumando as coisas por ordem de prioridade (do mais importante para o menos). Não deu para limpar o banheiro hoje? Deixe para o fim de semana. Não se cobre tanto! E lembre-se de que todos devem ajudar nas tarefas domésticas.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s