Perdi 26 kg com a dieta da ração humana

Minha mãe criou um farelo que me ajudou a perder peso sem deixar a saúde de lado

A fórmula é incrível. Ela ajuda a emagrecer, 
ficar com curvas e uma ótima saúde
Foto: Roberto Pimenta

Não acreditei ao me ver no espelho: ”Magra novamente!”, pensei. Ufa! Que pesadelo… Nem parecia aquela menina cheia de marcas roxas pelo corpo, que se beliscava, se batia e gritava pela casa, pedindo pra morrer. Um show de horror! Com apenas 17 anos cheguei aos 89 kg, distribuídos em 1,59 m. Depois de muitas dietas desastrosas, consegui secar ao consumir uma farofa rica em fibras, que hoje é muito conhecida: a ração humana. Minha mãe fazia em casa mesmo. Eu substituía duas refeições diárias (o café da manhã e a ceia) pela ração batida com leite desnatado e uma fruta. Em seis meses, perdi 26 kg.

Todos magros, menos eu

Me alimentava mal e nem me preocupava. Afinal, mamãe é bem magra e, embora eu tenha pouco contato com meu pai, sei que ele também é. Nasci um bebê pequeno, com cerca de 2 kg. Só adquiri peso normal aos 9 meses. Fui magrela a infância toda. Acontece que, ao completar 14 anos, o quadro mudou de figura. Engordei de maneira assustadora e aquilo revirou minha cabeça. Eu não sabia lidar com as piadinhas dos amigos na escola, vivia aos prantos e me machucava muito, pra valer! Estava com o emocional completamente desequilibrado.

A ração humana

Mamãe ficava desesperada, claro. Ela foi a principal responsável por minha vitória. Sempre esteve ao meu lado e sofria muito ao me ver tão mal. Buscou ajuda de nutricionistas, mas eu nunca conseguia seguir as dietas. Então, mamãe passou a fazer pesquisas por conta própria. E foi aí que a coisa engrenou. Como sempre tive prisão de ventre, ela se concentrava em descobrir alimentos para regular a minha flora intestinal.

Comecei pelo básico: uma banana com farelo de aveia toda manhã. Acontece que não tinha aveia que segurasse meu apetite. Eram, no mínimo, dois sanduíches ao dia, com direito a ovo frito, bacon, presunto, queijos… E, pelo menos, 2 litros de refrigerante. Todo santo dia… Mamãe, então, passou a trazer outros tipos de farelo, para misturá-los em um pote. Além de nutritivo, aquele apanhado de coisas ficava uma delícia!

O chá das 12 ervas

Hoje, a ração humana é moda. Mas na época, há pelo menos cinco anos, mamãe descobriu meio que por acaso. Foi só juntando vários alimentos ricos em fibras e nutrientes (Veja aqui a receita da ração humana!). A fórmula é incrível não apenas para emagrecer, ela beneficia o corpo todo. Você fica com as curvas em dia e, de quebra, com uma ótima saúde.

Mas não posso dizer que foi apenas a ração que me ajudou. Também tomei algo que contribuiu bastante: o chá das 12 ervas. Ele, na verdade, foi o primeiro passo para a mudança completa. Um mês antes de começar a tomar a mistura, eu mandava esse chazinho gostoso. Fazia 1 litro pela manhã e tomava geladinho durante o dia. Não é amargo nem enjoativo, pelo contrário. O sabor é bastante agradável. E ainda refresca que é uma beleza! Mesmo depois de descobrir a ração, continuei tomando diariamente.

Sem chacotas

Hoje, cinco anos depois e com 26 kg a menos, sou vitoriosa. Às vezes, ainda tomo um pouco da ração humana. Sinto falta, sabe? Assim, vou mantendo meu peso e minha felicidade. Enfim, retomei a vida deixada para trás. Voltei a sentir prazer em me arrumar e sair com minhas amigas. E isso não tem preço!

Ração? Parece esquisita, mas não é

Pedimos para que a nutricionista Daniela Jobst, de São Paulo, analisasse cada ingrediente da ração humana feita pela mãe da Pollyanna.

Aveia
Diminui o colesterol e a absorção de gorduras.

Fibra de trigo
Auxilia no trânsito intestinal, desintoxica o organismo e proporciona sensação de saciedade, ou seja, diminui a temida fome.

Extrato de soja
Fonte de colágeno, substância responsável pela firmeza da pele. Também forma músculos e controla a pressão arterial.

Gergelim
Fortalece os ossos e melhora o raciocínio.

Gérmen de trigo
Evita o envelhecimento precoce. Regula o trânsito intestinal e cuida da saúde do coração.

Guaraná em pó
Fonte de energia, combate o cansaço físico e mental.

Levedo de cerveja
Ajuda a regular o intestino e melhora as defesas do organismo.

Linhaça
Combate a anemia e o câncer de mama, de próstata e de cólon. Também faz bem para a pele, melhora o funcionamento do intestino e é excelente no combate à diabetes.

Quinoa
Reduz as gorduras, combate o colesterol e as doenças cardíacas.

Maçã
Facilita a digestão das gorduras e diminui a fome e o armazenamento de gorduras.

Gelatina hidrolisada
Fortalece os ossos, as articulações, as unhas e os cabelos. É ótima para prevenir contra a celulite e garantir a firmeza da pele.