Por que algumas pessoas perdem peso mais rápido (e mais facilmente) do que outras?

Sua amiga ou o seu boy começaram a mesma dieta que você, mas perderam mais peso? Não se frustre. Tem explicação!

Você já escutou essa história? Duas pessoas resolvem fazer dieta. Enquanto uma quase literalmente vira um faquir e passa horas na academia para perder míseros quilinhos, a outra apenas com algumas pequenas mudanças já consegue perder muito mais peso. Tem explicação? Tem, mas antes, vamos entender o conceito de metabolismo. 

O metabolismo é o resultado de todas as reações químicas e energéticas no nosso corpo. E ele é regulado por uma série de fatores, como a quantidade de músculo, a quantidade de gordura e também alguns hormônios, como os da tireoide e o cortisol. 

Pois bem, quando falamos em perder peso, um dos maiores determinantes sobre o quanto você vai perder é o seu metabolismo, principalmente, a quantidade de músculos que você tem. Quanto mais, maior a queima de calorias, seja na atividade física, quanto no repouso – sim, também perdemos peso quando estamos paradas ou dormindo. 

Reprodução gif Reprodução gif

Reprodução gif (/)

Se pegarmos duas pessoas, é importante entender algumas diferenças fundamentais no que se refere ao metabolismo:

1.    Homens gastam mais calorias em repouso e nas atividades físicas que nós mulheres, porque possuem mais massa muscular e porque o hormônio testosterona faz com que eles se mantenham mais quentes e com um gasto energético maior.

2.    Mesmo que sejam duas mulheres com a mesma dieta, a quantidade de músculos pode variar de idade para idade, de genética para genética e também de acordo com a atividade física anterior (aquele conceito de memória muscular, em que o músculo se recorda de quando era mais utilizado).

3.    Mesmo que sejam duas mulheres com a mesma massa muscular, é preciso saber se os hormônios que regulam seus metabolismos – como a tireoide e o cortisol – estão regulados. Um desbalanço neles pode levar a uma redução no gasto de calorias.
 
Para completar, também devemos levar em consideração na perda de peso, o conceito do balanço energético. Nosso peso é o resultado do que comemos – as calorias que ingerimos menos o que gastamos. Para que haja um emagrecimento, é preciso ter o balanço energético negativo: precisamos gastar mais calorias do que consumimos

Mesmo que duas pessoas estejam seguindo dietas similares, estas dietas podem não ser exatamente 100% cópia uma da outra, o que quer dizer que uma colher de arroz com mais ou menos óleo vai sim influenciar o valor calórico no final do dia, mesmo que as duas pessoas estejam comendo a mesma quantidade de arroz. E claro, os gastos energéticos também não conseguem ser completamente iguais. Nesta conta de calorias perdidas entram também os exercícios físicos não programados (como andar durante o horário de trabalho, subir e descer escadas…) que são diferentes de uma pessoa para a outra.
 
Tudo issso nos leva a crer que não adianta mesmo se comparar com a amiga. Na hora de perder peso, vale se programar individualmente. As metas de cada pessoa são únicas, assim como sua dieta deve ser. A ideia é focar na reeducação alimentar reduzindo as calorias pouco a pouco com melhores escolhas, sem esquecer de incluir atividades físicas que te deixem confortáveis. Gosta de dançar? Vá em frente. É crossfit? Mãos à obra. Só não desanime e nem deixe que comparações azedem seus objetivos, ok?

☆ Descubra o significado de VÊNUS no seu Mapa Astral ☆