A NASA simplesmente esqueceu que têm casais lésbicos em missões espaciais

Para a NASA, apenas pessoas do mesmo gênero devem ser mandadas para uma missão e a explicação para isso revoltou a internet.

Não importa se a matéria foi publicada em 2017, se está na internet, mais cedo ou mais tarde, alguém vai achá-la novamente. Foi exatamente isso que aconteceu com uma publicação do “Daily Mail” sobre a NASA, criando um rebuliço no Twitter.

O jornal anunciava que a tripulação de uma missão até Marte, que duraria um ano e meio, só seria composta por mulheres, pois dessa forma as funcionárias não fariam sexo enquanto trabalhavam.

A astronauta britânica, Helen Sharman, também aproveitou o momento para afirmar que as equipes femininas eram melhores por trabalharem melhor em equipe e terem menos propensão a disputar pelo cargo de líder.

Ainda que o fato de não ter relações sexuais seja um pedido direto da NASA para que os “relacionamentos de confiança” e “padrões profissionais” sejam mantidos, o que indignou a internet foi: então quer dizer que relações sexuais não acontecem entre duas mulheres? Como que os casais lésbicos foram simplesmente esquecidos?

No Twitter, a galera não perdoou o erro da empresa e falou algumas verdades, com aquele bom jeitinho irônico.

“O que a NASA vai descobrir primeiro: vida em marte ou lésbicas?”, escreveu uma usuária. “Alguém precisa dizer para a NASA que lésbicas existem”, afirmou outra.

Confira outras reações: