A sua vida na medicina Ayurveda

Aprenda com os indianos a cuidar da saúde, da alimentação e da mente para enfrentar o ritmo do dia a dia

A filosofia indiana acredita na tranquilidade e na boa alimentação para alcançar o equilíbrio do corpo.

Como tudo que vem da Índia está na moda, talvez você já tenha ouvido falar na Ayurveda em alguma clínica ou até mesmo na televisão. Na verdade a palavra Ayuverda significa “ciência da vida”, em sânscrito, e trata-se de um sistema medicinal alternativo que une bem-estar e saúde.

Ela surgiu na Índia há mais de 6 mil anos e há cerca de dez, chegou aqui no Brasil. O principal responsável por essa difusão foi o médico Deepak Chopra, um dos profissionais mais conceituados no assunto. Vale lembrar que ao contrário do que muitos pensam, esta filosofia não tem cunho religioso e pode ser praticada por todos.

Faça o teste e descubra seu dosha

Quem conhece, vira adepto pois já comprovou os benefícios que esta filosofia oferece. A explicação para a eficiência da Ayurveda é simples: ela acredita que o que acontece no seu corpo, tanto físico como emocional, é fruto do que você ingere e da forma como você pensa. Ou seja, não foge muito do ‘corpo são, mente sã’. O princípio para viver bem é manter o equilíbrio e para isso, você pode recorrer a algumas medidas, como o yoga, as massagens e a culinária ayurvédica. 

Segundo Puja Punitas, coordenadora das terapias ayurvédicas no Buddha SPA, em São Paulo, “A Ayurveda vê o ser humano como único e individual. Desta forma, cada pessoa é perfeita do jeito que é. Dentro desta arte milenar, o principal objetivo é equilibrar o corpo e a mente através da circulação, respiração e energia vital”.

Para que haja essa individualização, as pessoas são classificadas em três perfis, chamados de doshas: Vata, Pitta e Kapha. Cada um dos doshas têm características e necessidades diferentes e para as pessoas ficarem em plenitude, é preciso cuidar dos doshas de acordo com o que eles precisam.

Por exemplo: você é do tipo que se sente melhor no calor, fica amoado e têm dificuldade para realizar as tarefas no inverno? De acordo com a Ayuverda, isso é facilmente explicado, pois é uma característica do seu dosha. Você mergulha em creme hidratante e mesmo assim sua pele continua seca? Seu dosha explica isso também. 

“Após a avaliação é recomendado um tratamento onde você receberá uma série de massagens com óleos preparados especialmente para você, uma dieta alimentar para equilibrar seu corpo e alguns remédios à base de ervas para limpar e equilibrar seu corpo. Dentro da medicina Ayurveda é fundamental a limpeza do intestino para liberar toda toxina no corpo”, continua Puja. 

 

A sua vida na medicina Ayurveda

Foto: Getty Images

As características físicas das pessoas, como cabelo, pele e tipo físico, podem designar os doshas, mas não é obrigartório.

Se você parar para pensar, parece óbvio, mas até agora poucas nações pensaram sobre o assunto. Você pode se alimentar bem, descansar e tomar todos os cuidados que os médicos recomendam, mas mesmo assim, alguma coisa no seu organismo não está bem; uma dorzinha aqui, uma alergia ali, uns quilinhos a mais… Ou  você pode também ter a mesma rotina que outras pessoas e apresentar sintomas que elas não apresentam. Tudo isso tem explicação pela filosofia indiana.

Descubra o seu dosha 

Algumas pessoas custam a entender seu dosha, pois não se acham parecidas com as características apresentadas por ele. Vale lembrar que ninguém é igual e cada pessoa tem suas peculiaridades, mesmo dentro de um mesmo perfil. Geralmente, quando você se acha diferente daquilo que diz o dosha, é por que há um desequilíbrio. 

“O dosha que você nasce permanece ao longo de sua vida. Ele pode sim ser alterado em função do meio que você vive; não é possivel agir de acordo com a sua natureza e com isso, surgem os distúrbios e desequilíbrios no seu corpo. Possivelmente, se você for avaliar o seu dosha, ele vai estar diferente de quando era criança, mas após o tratamento você encontra novamente sua natureza”, afirma Puja. 

O equilíbrio do dosha ocorre por todas as ações que você faz e aquilo que está a sua volta: meio de trabalho, de lazer, exercícios, etc. A alimentação ganha muito espaço na medicina ayurveda, pois é muito importante o que você come e como você nutre o seu corpo. 

O que eu devo comer?

 

A sua vida na medicina Ayurveda

Foto: Divulgação/Instituto Blanch Marie

O local da massagem é importantíssimo. Escolha ambientes calmos e aconchegantes. Uma sessão por semana é suficiente para renovar as energias.

É confirmado! Todo brasileiro adora uma massagem, principalmente nesse ritmo agitado que a correria do dia-a-dia nos leva a ter. O que poucos sabem, é que existem diversos tipos de massagem e que algumas podem fazer maravilhas pelo seu bem-estar.

Uma delas é a massagem ayurvédica, originada na Índia há mais de 6 mil anos. Esta técnica surgiu do sistema medicinal indiano, conhecido como Ayurveda, que significa “conhecimento sobre a vida”. 

Descubra seu dosha 

O sistema ayurvédico tem por objetivo nos colocar em harmonia com a natureza. O homem é parte integrante da natureza e se ele estiver desconectado dela, estará favorecendo o surgimento de doenças físicas e emocionais, como o estresse.

A Ayuverda também classifica as pessoas em três tipos, de acordo com seu perfil: Vata, Pitta ou Kapha. Os princípios ativos dos óleos de massagem agem diferente em cada dosha (como é chamado o perfil), por isso é importante a identificação do dosha de cada pessoa. O conhecimento do perfil deve ser feito antes de iniciado o tratamento, por uma pessoa especializada.

A massagem

Esta massagem, além de ser relaxante, atua nos campos mental, energético e emocional, fazendo o paciente entrar em um estado de relaxamento profundo. Os movimentos estimulam os chakras, aqueles pontos de energia alinhados no sentido da coluna vertebral. A movimentação e o estímulos dos chakras realiza um intenso processo de desintoxicação do corpo.

Durante a massagem o toque pode ser vigoroso com efeito estimulante, desintoxicante e circulatório ou lento com efeito calmante e analgésico. Os óleos usados são aromáticos quentes com finalidade terapêutica. Através de toques profundos com as mãos, cotovelos e pés, a massagem ayurvédica propicia um realinhamento postural, alívio de tensões, fortalece o sistema imunológico, e tem efeitos anti-stress e anti-depressivos.

No Instituto Blanch Marie, em São Paulo, a massagem é realizada em ambiente aconchegante, decorado com velas e a massagem é feita sobre um colchão no solo, para causar relaxamento e introspecção. Um som ambiente com música indiana é colocado com o intuito de conduzir a nossa consciência para níveis mais sutis e diminuir a influencia da mente.

São realizados também alguns alongamentos passivos, o que proporciona uma maior flexibilidade do corpo e mobilidade nas articulações, possibilitando o circuito livre da energia vital. 
 

☆ Pedras, cristais e rituais de proteção: saiba como usar ☆