Bela Gil é um exemplo de como retrucar grosseria com gentileza

Cada um sabe a batalha que enfrenta e um pouco mais de doçura não faz mal a ninguém

Eu adoro a Bela Gil. O jeito calmo de falar, a forma como ela explica as coisas sem se achar dona da razão, o modo como ela faz parecer mais fácil ser saudável e o jeito como ela leva a vida, numa mistura baiana e carioca gostosa de ser. Adoro a leveza que ela dá as coisas. Já postou até foto de churrasco de melancia em Barcelona, numa espécie de auto ironia. E pra mim, esse é o segredo da vida, saber rir de si mesmo. 

Mas se tem uma coisa que eu não entendo é falta de educação… e as pessoas são deselegantes quando começam a dizer o que a Bela deve ou não colocar na lancheira da filha ou que fazer pasta de dente em casa é contra o que os dentistas prescrevem. Sinceramente, se eu fosse a Bela, já tinha desistido. Mas ela me dá um grande exemplo de como agir com ainda mais delicadeza, nunca perder a ternura. E eu viro ainda mais fã.

//platform.instagram.com/en_US/embeds.js

Veja bem: a internet está aí para disseminar conhecimento. Se a pasta de dente artesanal não foi feita para seu estilo de vida, simplesmente continue comprando a de sua preferência. Entretanto, outras milhares de pessoas aprenderam a fazer a sua própria pasta com a receita da Bela e agora tem uma opção mais saudável e econômica. Ninguém precisa ofendê-la ou julgá-la, certo?

Na minha casa eu jurei que minha filha nunca ia comer nada que fugisse do script. Queria uma merendeira tipo a da Flor, bem saudável. Mas essa não é a realidade, às vezes as coisas saem dos eixos. E tudo bem. Porque só eu sei o que é melhor pra minha família e posso fazer essas escolhas. Então acho ótimo aprender e me inspirar com a merendeira saudável mesmo que as vezes aconteça de não segui-la à risca. E não quero ninguém mandando eu colocar mais fruta ou menos pão na merendeira da minha filha. 

Divulgaçãp GNT Divulgaçãp GNT

Divulgaçãp GNT (/)

Cada um sabe a batalha que enfrenta diariamente e a vida já apresenta momentos de dificuldade por si só para cada um de nós, não precisamos ser hostis com os outros. Um pouco mais de doçura para todo mundo não faz mal a ninguém. Que a Bela continue educando e encantando, e que cada um, dentro das inúmeras opções que o mundo nos oferece, possa escolher aquilo que faça sentido para si, sem ofender ou julgar o outro.