Coisas que acontecem quando reunimos amigos antigos

Porque a gente aprende que é mesmo verdadeira essa história de que não é preciso estar perto para estar junto!

Tudo começa quando, naquele grupo do whatsapp, alguém sugere que “a galera das antigas” se reúna. Afinal, há anos vocês não se encontram! Mas é só marcar um dia para ter certeza de que alguns (ou vários) dos itens a seguir acontecerão…

Depois de muito debate sobre o local do encontro, vocês finalmente criam um evento no Facebook para que ninguém fique de fora ou esqueça

Reprodução Reprodução

Reprodução (/)

Alguns dias antes, começam a surgir por lá fotos bizarras dos tempos de escola

Reprodução Reprodução

Reprodução (/)

“ISSO É O MELHOR!”

O que só te deixa ainda mais ansiosa… Afinal, tem muito tempo que você não vê o pessoal!

Reprodução Reprodução

Reprodução (/)

O momento em que vocês se encontram é marcados por abraços apertados

Reprodução Reprodução

Reprodução (/)

E todos repetem frases como: “Que saudade!” e “Nossa, quanto tempo!”

Reprodução Reprodução

Reprodução (/)

As pessoas não deixam de falar para as outras o quanto estão diferentes e mais bonitas

Reprodução Reprodução

Reprodução (/)

E relembram aquela época em que você pintou o cabelo de pink e só se vestia de preto

Reprodução Reprodução

Reprodução (/)

“AI, MEU DEUS!”

E também aquele namoradinho que você teve durante o ensino médio

Reprodução Reprodução

Reprodução (/)

Começam a contar sobre suas vidas e percebem o quanto cada um cresceu

Reprodução Reprodução

Reprodução (/)

“QUEM QUER VINHO?”

Mas é só alguém mencionar ~aquela festa~ em que vocês não souberam brincar de open bar para começar a zueira

Reprodução Reprodução

Reprodução (/)

Os podres de todo mundo começam a vir à tona

Reprodução Reprodução

Reprodução (/)

E vocês começam a se questionar de onde saíram aqueles apelidos que vocês tinham quando eram mais novos

Reprodução Reprodução

Reprodução (/)

Afinal, quem mais se lembraria deles, não é mesmo?

Reprodução Reprodução

Reprodução (/)

Todos riem de histórias que pareciam verdadeiros dramas

Reprodução Reprodução

Reprodução (/)

“O QUÊÊÊ?”

E começam a ouvir músicas e a fazer coreografias de muito, muito tempo atrás

Reprodução Reprodução

Reprodução (/)

É claro que vocês não deixam de registrar o momento

Reprodução Reprodução

Reprodução (/)

Até que todos prometem não ficar tanto tempo longe assim…

Reprodução Reprodução

Reprodução (/)

Aliás, já podemos marcar a próxima reuniãozinha? =D

Reprodução Reprodução

Reprodução (/)

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s