Desacelere sua vida!

O tempo somos nós que fazemos quando priorizamos o que realmente é importante na vida: a calma

Atire a primeira pedra quem nunca se pegou pensando em quão rápido está passando o tempo. Pudera: vivemos num ritmo tão acelerado que, quando paramos um minuto apenas, logo nos sentimos culpadas. Todo segundo faz diferença e, à medida que os dias passam, ficamos ainda mais apressadas. Ufa!

Desacelere! Um tempinho a mais que você dedicar a algo já lhe fará um bem danado! Aliás, muitas vezes, somos as únicas responsáveis pela ansiedade que criamos quando assumimos mais compromissos do que somos capazes de dar conta. Ora, é tão mais proveitoso se empenhar em um ou dois grandes afazeres no dia do que querer abraçar o mundo em 24 horas… Nesse ritmo alucinado, fazemos quase tudo ligadas no piloto automático e, assim, as coisas se tornam cansativas. Devagar se vai ao longe, segundo o ditado. Afirmação acertadíssima! O tempo somos nós que fazemos quando aprendemos a priorizar o que realmente é importante para a vida: a calma. Pense nisso.