Detox na vida pessoal: aprenda a acabar com as relações tóxicas

Dar um "chega para lá" em quem suga sua energia, seja na família, no trabalho ou no namoro, é fundamental para melhorar sua qualidade de vida.

Se você tem amigos que não a tratam com o devido respeito, saiba desapegar e, principalmente, dizer não.
Foto: Getty Images

 

Pare e pense um pouquinho: tem alguém em sua vida que não está fazendo bem a você? Se a resposta for positiva, saiba que você pode estar vivendo uma relação tóxica. Para ajudá-la a se livrar dela, entrevistamos a terapeuta inglesa Lucy Beresford, que acaba de lançar o livro Como se Libertar de Relações Tóxicas (Sextante, R$ 19,90). Aqui, ela dá várias dicas bacanas. Veja como colocá-las em prática.

 

Na família
Problemas familiares têm relação com expectativas frustradas. Um bom passo para acabar com o mal-estar é desafiar a si mesma a agir de maneira oposta ao que costuma fazer, já que com família é mais difícil cortar relações. Se vive brigando, tente se controlar e ser mais amorosa. Assim, você desarma a outra pessoa e a faz refletir também.


Entre amigos
Se fica mal sempre que encontra uma amiga e se sente cansada mental e fisicamente por ela só trazer problemas ou fazer críticas, você está vivendo uma relação tóxica e chegou a hora de avaliar se vale a pena manter essa amizade. Talvez seja melhor se desapegar de quem não a trata com o respeito que merece. “Exercite o ‘dizer não’ sem se sentir culpada e afaste-se”, orienta a autora.


No namoro
O relacionamento está capenga e você vive magoada… Primeiro, abra um canal de diálogo, exponha suas expectativas e ouça as dele. Depois, investigue se a raiz do problema não está em você. “Podemos sabotar relações, sem perceber, por medos ou preocupações sem fundamento”, alerta Lucy. Se o caso não for esse, fortaleça a autoestima e tome coragem para romper a relação.


No trabalho
Quando um colega a sobrecarrega, faz fofocas ou tenta puxar seu tapete, assuma o controle da situação. O melhor caminho para fazer isso, segundo a autora, é desempenhar bem o seu trabalho. Quando propõe soluções, você se blinda de sanguessugas profissionais. Se não rolar, converse com superiores e imponha limites.