O poder do amor verdadeiro

Cultivar o amor ajuda a unir a família, a melhorar a relação com os filhos, a curar doenças e ainda te deixa mais bonita

Com amor é melhor! Na novela, Felícia (Larissa Maciel) está até mais bonita
Foto: Francisco silva / AgNews

Você viu Felícia (Larissa Maciel) com Fátima (Bianca Bin) e Gerson (Marcello Antony) no piquenique? Reparou no brilho do olhar dela? Agora, tente se lembrar de Felícia no início da novela Passione. Tinha uma postura encolhida, um abatimento no rosto. O que mudou?

Ela não precisou pintar o cabelo e nem se encher de maquiagem. Simplesmente, Felícia voltou a amar de verdade. Essa mudança está no jeito dela, ao olhar para Gerson, falar com a filha e até ao assumir o comando de sua vida. “O estado emocional de felicidade, de ter encontrado alguém, ativa no cérebro a produção das substâncias que dão bem-estar”, diz Manuel Morgado Rezende, psicólogo e professor de pós-graduação em psicologia da Universidade Metodista de São Paulo.

Amor sem economia Gerson, o homem que Felícia sempre quis ao lado, olha para ela de um jeito arrepiante! Pois é. O amor une famílias, melhora as relações, te deixa mais bonita e até cura dores físicas.

Os benefícios do amor à saúde

“O amor ativa a parte do cérebro ligada à dor, que é acessada por analgésicos”, diz a psicóloga Andréia Calçada. Amar melhora:

– Depressão: Diminuindo o negativismo diante da vida.

– Estresse: O sentimento traz sensações de prazer e alívio no cotidiano.

– Ansiedade: O amor gera a sensação de segurança que alivia ansiedade e medo.

– Úlcera, problemas do coração: Com a baixa da ansiedade, esses problemas ficam mais amenos.

– Doenças psicossomáticas (dor de cabeça, problemas respiratórios, na pele, gastrite): Surgem por questões mal resolvidas e podem ser aliviadas pela sensação de amor, carinho, aconchego e proteção.

– Dor crônica: Quando a pessoa está apaixonada, fica distraída, sonhando com o ser amado, e o seu cérebro produz mais dopamina, substância que dá prazer. Isso explica o fato de não sentir tanta dor.

O poder do amor verdadeiro

Amar ajuda a se sentir mais acolhida
Foto: Alex Carvalho / Divulgação Rede Globo

Amar traz bem-estar!

Quem ama:
– Cuida de si mesma.
– Se sente sempre acompanhada e acolhida.
– Quer ficar mais bonita e pratica mais exercícios físicos.
– Tem objetivos.
– Passa a maior parte do tempo pensando no seu amor, nas pessoas que ama, e, assim, inibe sentimentos como rancor, ódio.

O amor previne infarto

Segundo estudo publicado pela Associação Americana de Psicologia, quem se sente inseguro em suas relações tem grande risco de sofrer problemas cardiovasculares. O autor da pesquisa, Lachlan A. McWilliams, PhD da Universidade de Acadia, e um colega examinaram 5.645 adultos com idades entre de 18 e 60 anos. 

Os participantes foram divididos em três tipos: os que mantêm relações seguras; os ansiosos, que não querem contato; e os que não confiam nos outros. Aqueles que tinham dificuldade para confiar nos outros tinham problemas de dor, como dores de cabeça. Os ansiosos sofriam com pressão alta e risco de ataque do coração, dores e úlceras. Os seguros de suas relações tinham problemas menores de saúde.

O poder do amor verdadeiro

Larissa Maciel e seu marido André Surkamp
Foto: Everton Rosa / Divulgação

“Amar é fundamental, me completa”

 
Larissa Maciel conta que encontrou há 10 anos o amor da sua vida, André Surkamp, com quem se casou em 2009…

Você já se sentiu como a Felícia?
Quando eu era criança, me achava muito feia. Os amigos da minha mãe falavam que eu era linda e eu achava que era minha mãe que pedia para eles me elogiarem. Só superei isso com o interesse dos meninos no colégio. Aí, comecei a acreditar que era bonita. Antes, achava que ninguém nunca ia olhar para mim, que eu era invisível. A Felícia se sentia assim até redescobrir o amor.

O que dizer às mulheres que passam por isso?
Temos de buscar dentro de nós o que desejamos, temos de nos amar. Você precisa descobrir do que gosta e acreditar nisso. Amar é fundamental na minha vida, me completa como mulher e como pessoa.

Casar lhe fez bem?
Muito! Tudo o que eu pensava que queria num homem, encontrei no meu marido! Ele gosta de ler, de cinema, de teatro, tem bom humor. Com o casamento, tudo ficou melhor ainda. 

 

A importância de Mercúrio no seu Mapa Astral – escute já!