Palavras que inspiram: pensamentos para seguir em 2015

Que tal começar o novo ano com o pé direito e rever algumas atitudes para ter uma vida mais serena e feliz?

Não basta desejarmos estar ao lado de alguém, precisamos merecer a sua companhia. Precisamos exercitar a honestidade e, principalmente, o respeito com o outro. Amar é, definitivamente, uma escolha que pede responsabilidade.

Quaisquer que sejam os seus sonhos e suas verdades, faça algo para que se tornem realidade. Não importa quantas dificuldades encontrará pela frente nem o tempo que levará para colher os frutos de suas ações. O importante é agir!

De que adianta estender a mão para o outro se o seu coração está insatisfeito? É preciso cuidar-se antes de tudo e de todos, fazer por si aquilo que espera fazer pelo outro. Você só pode proporcionar alegria se estiver feliz consigo mesma.

A vida é uma bênção, mas tem prazo de validade. Portanto, viva com alegria, vontade e perseverança. Do contrário, você pode desperdiçar um tempo valioso que Deus nos deu, repisando dores e tristezas.

Antes de seguir o caminho do comodismo, desafie-se a se desviar dele. É dessa maneira que você se sentirá estimulada a fazer o que nunca tentou antes, a experimentar o que nunca provou, a conquistar o que jamais imaginou que conseguiria.

Os obstáculos vão surgir sempre – e isso é inevitável –, mas você vai se angustiar bem menos se olhar tudo com os olhos e o coração cheios de esperança. Ok, a felicidade não é algo concreto, mas depende da perspectiva com que vemos as situações.

A coragem nasce da fé, da vontade e da disposição para agir e seguir adiante. Enfrenta os obstáculos sem enfraquecer e resiste ao tempo sem perder o valor e o sabor. Raciocina antes de tomar uma decisão e permanece iluminada pelo ideal.

Reclamar é perda de tempo e de energia, um desgaste emocional sem propósito. Algo em sua vida vai mal? Em vez de espernear, bronquear e resmungar, experimente encher-se de força e coragem para encontrar caminhos que levem à mudança.

Não coloque a felicidade nas mãos de outra pessoa. Felicidade é uma troca. Eu sou feliz e, consequentemente, faço alguém feliz. Mais que isso, felicidade é um estado de espírito e ela está dentro da gente, especialmente em tudo o que nos parece invisível.

Praticar a generosidade é algo muito maior que obter o poder econômico. Podemos ser generosas sem necessariamente termos dinheiro. Podemos oferecer carinho e respeito gratuitamente. Aí está o maior presente que você pode oferecer a alguém.

Só entrando em contato com nossas dores é que podemos nos libertar delas. Portanto, não adote uma postura desanimadora. Siga em frente com garra e não dê chance ao conformismo. O segredo para alcançar grandes vitórias é saber sempre recomeçar!

Todo e qualquer relacionamento deve ser paciente e compreensivo. Afinal, atitudes e opiniões contrárias às nossas estão presentes em tudo na vida. É sabendo respeitar as diferenças que convivemos em perfeita harmonia.

Ninguém precisa pensar e agir (ou reagir) sempre da mesma maneira. Repensar conceitos e atitudes nos faz maiores… e melhores. Evoluímos à medida que aprimoramos nossas ideias e ações.

Aprender a rejeitar o que é ruim, negativo, pesado e traiçoeiro. Absorver o bem, a verdade, o amor, a justiça. Isso, sim, é viver bem… e em paz!

Temos que aprender a agradecer! Se pararmos para pensar, vamos perceber que, muitas vezes, temos mais motivos para louvar do que para nos queixar. Reconhecer as coisas boas que a vida nos dá torna qualquer ser humano melhor e mais feliz.

Quando a gente se dispõe a lutar, as chances de viver o novo se multiplicam. Persistir é simplesmente fazer uma escolha em favor da vida.

A maturidade nos faz ver que perdas e enganos acontecem com todo mundo justamente para testar nossa vontade e capacidade de superação. Não existe a história de fulano ter mais sorte que eu, sicrano vencer antes de mim… O sol nasce para todos.

Por mais que você relute, chega sempre o momento em que não conseguimos mais fugir. Daí é preciso tirar do caminho tudo aquilo que já perdeu o sentido. Se quisermos que as coisas mudem, devemos abandonar o velho para podermos contemplar o novo.

O pensamento otimista é sua verdadeira oração! Por isso, procure ver o lado bom de tudo. Isso não é acreditar ingenuamente que o mundo é perfeito e lindo nas 24 horas do dia, mas saber tirar lições positivas de toda e qualquer ocasião incômoda e negativa.

A melhor maneira de levar uma vida bem-sucedida é encarar as crises como oportunidades, e os obstáculos como pontes para o sucesso e crescimento pessoal.

Ser paciente é o caminho mais fácil e rápido de alcançar a suavidade, a serenidade e o discernimento. É o que nos possibilita acreditar em nossa capacidade de seguir em frente de forma segura e contínua.

O segredo está na palavra perseverar. A constância revela o quanto somos sublimes. Quem é apenas corajoso tem só uma virtude, o tenaz, porém, tem a grandeza. E tenacidade é sinônimo de persistência.

Rir é terapia! É a pura sabedoria de encarar a vida com a certeza de que tudo de bom podemos ter. Com alto-astral, não há obstáculo intransponível, problema insolúvel.

Algumas circunstâncias da vida endurecem mesmo o coração. Ainda assim, é preciso amar, compreender, reconsiderar. Quando nos desarmamos do rancor e levantamos a bandeira do amor, as relações se tornam mais fáceis e saudáveis.

Quando deixamos o velho partir, abrimos portas para conhecermos novas metas e caminhos. E, acredite, com toda renúncia ou desapego há sempre um ganho, já que para todo fim existe um recomeço.

Temos que superar os obstáculos com alegria. É isso que nos leva adiante. Um olhar pessimista nos deixa insensíveis às coisas boas. Quanto mais importância você der ao problema, maior ele fica. Coragem sempre!

Agir com serenidade diante das situações adversas faz bem à nossa saúde física e mental… E não tem contraindicação. Pode apostar!

A ansiedade e a angústia criam fantasmas assustadores. Por isso, melhor analisar a situação com discernimento e uma boa dose de tranquilidade para transformar o que parecia massacrante em algo menos “destruidor”.

Como escreveu o poeta Mário Quintana (1906-1994): “A arte de viver é simplesmente a arte de conviver”. Vamos, portanto, viver a deliciosa experiência de estender as mãos. Se a união faz a força, qual o motivo de insistir em ser forte sozinho?

Quando um desafio surgir e o medo aparecer, encha-se de coragem e acredite que a vitória sobre o desconhecido resulta sempre numa imensa alegria.

Por mais que a sinceridade possa doer, aposte sempre na verdade. Porque só ela abre caminho, constrói bases sólidas, fortalece convicções e impõe respeito. Ok, a mentira costuma ser conveniente, mas é efêmera e deixa marcas irreparáveis.

Muitas vezes, construímos a nossa história colocando menos onde deveríamos dar o melhor! Depois, olhamos para o nosso feito e bate o arrependimento. Ainda que seja corrido, dedique-se a tudo com amor e zelo. Nossas atitudes são a base para uma vida digna e feliz.

É preciso confiar que a vida nos dá muito mais motivos para sorrir do que para chorar. Receba as dores como lições de crescimento. Não lamente, agradeça! A maior alegria é acordar todos os dias e viver!

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s