Vídeo emocionante mostra mulheres falando a Donald Trump sobre violência sexual

Com relatos pessoais, elas respondem ao candidato que o machismo dele é inaceitável. Celebridades como Meryl Streep e Lena Dunham também participaram do vídeo.

“Eu acho que pessoas como Donald Trump nunca vão entender a correlação que as mulheres compreendem entre palavras e ações. Então se você é um homem em posição de poder e você fala daquele jeito em público e você fala aquelas coisas, você está dizendo ao mundo que é OK agir dessa forma”, resume a atriz Amber Tamblyn (a Tibby, de Quatro Amigas e um Jeans Viajante).  Ela e diversas outras mulheres resolveram explicar por A+B a razão pela qual a conduta machista de Donald Trump é intolerável. 

Em um vídeo emocionante, elas também relatam abusos que sofreram na vida real, desde violência verbal até casos de estupro. A ação foi intitulada de It’s Not OK (Não é OK), para deixar bem claro que não é aceitável que Trump tente minimizar seu discurso machista, justificando que são apenas palavras. Vale a pena assistir:

Para quem não está familiarizado com o caso, na semana passada a emissora NBC divulgou um vídeo em que o candidato à presidência dos Estados Unidos fala coisas de extremo baixo calão sobre uma mulher, além de coisas como “Quado você é uma estrela elas deixam você fazer qualquer coisa… pegar na b*ceta”. Assista ao vídeo legendado:

Depois que o vídeo veio à tona, até a esposa do candidato, Melania Trump, se pronunciou dizendo que os comentários do marido eram inaceitáveis e ofensivos. O Partido Republicano chegou a pedir que ele abandonasse a campanha e colocasse seu vice à frente da corrida pela presidência, mas Trump recusou-se.