YouTuber exibe corpo de homem morto e causa revolta

O YouTuber Logan Paul mostrou o corpo de um suposto suicida em um de seus vídeos e causou revolta na web.

Logan Paul, um dos youtubers mais conhecidos dos Estados Unidos, está recebendo merecidas críticas após exibir o corpo de um homem morto, aparentemente por suicídio, em seu mais recente vídeo.

A ideia original do vídeo que foi ao ar no domingo  (31) era mostrar uma floresta no Japão, a Aokigahara, conhecida por ser um local que as pessoas vão para cometer suicídio. Por esse motivo há várias histórias dizendo que há uma maldição na floresta, ou que ela é cheia de espíritos presos nela, e o local é famoso por ser mal-assombrado.

Logan e seus amigos iriam passar a noite dentro da floresta para ver o que aconteceria, se teriam experiências sobrenaturais, ou apenas assustariam uns aos outros. A realidade se tornou outra assim que entraram na Aokigahara, e ao andarem apenas alguns metros, encontrarem o corpo de um homem não identificado enforcado junto a uma árvore.

Para terem certeza do que estavam vendo, todos se aproximaram do corpo e – filmando toda a situação e o corpo do homem – começaram a comentar sobre o que acabou de acontecer.

Leia também: Em vídeo, youtuber compara seu corpo real com as fotos que posta

A partir desse momento, os amigos, e o próprio youtuber começam a fazer piadas sobre a situação. Em um momento um dos amigos comenta estar “desconfortável” com tudo que está acontecendo, ao que Logan brinca: “o quê? Você nunca viu uma pessoa morta antes?”.

O vídeo não obteve reações positivas e por verem o conteúdo como ofensivo e incorreto, muitas pessoas pediram para ele retirar o vídeo e a sua conta no YouTube ser removida. O premiado ator Aaron Paul, da série “Breaking Bad”, foi uma das pessoas a se manifestar.

“Caro Logan Paul, como você se atreve! Você me enoja. Não acredito que tantos jovens se baseiam em você. Muito triste. Espero que esse último vídeo os façam acordar. Você é um lixo. Simples assim. Suicídio não é brincadeira.  Apodreça no inferno.”

“Retuíte isto para o Youtube mudar. O Youtube NÃO PODE permitir um conteúdo nojento e horrível como o que Logan Paul fez. Ele não apenas usou um corpo morto de uma vítima de suicídio no seu título, como deu zoom nas mãos, bolsos da vítimas e fez piadas sem coração! Isso é inaceitável!”

Depois das críticas, Logan retirou o vídeo – que tinha como título “Nós Encontramos Um Corpo Na Floresta De Suicídios Japonesa” com a imagem de destaque sendo uma foto dele com o homem atrás – do YouTube e pediu desculpa a todos pela conta dele no Twitter.

“Querida internet,

Como eu começo? 
Vamos começar assim – 
Me desculpe.
Essa é a primeira vez para mim. Eu nunca recebi tantas críticas assim antes, eu nunca cometi um erro desses antes. Estou ao redor de pessoas boas e acredito que faço boas decisões, mesmo assim eu sou um ser humano. Eu posso estar errado. 
Eu não fiz isso pelos views. Eu tenho views. Eu fiz isso porque pensei que poderia fazer uma onda de positividade e não de negatividade. Essa nunca é a intenção. Eu tinha a intenção de aumentar a prevenção contra o suicídio e pensei ‘se esse vídeo salvar apenas UMA vida, já é o bastante’. Eu me enganei pelo choque e temor que demonstrei no vídeo. Eu ainda estou assim.
Eu faço essa m*rda todo dia. Eu fiz um programa de TV de 15 minutos TODOS OS DIAS pelos 460+ dias passados. É possível que entendam que é fácil se perder em um instante e não pesar suas atitudes.
Eu sempre sou lembrado pelo tamanho do meu alcance (pelos vídeos) que eu tenho, e com grande poder vem grandes responsabilidades… pela primeira vez na minha vida eu me arrependo por ter usado esse poder de forma errada. Não acontecerá de novo.
Eu amo todo mundo. Eu acredito nas pessoa. Eu estou fora daqui. Paz. #Logang4Life”.