Abuso psicológico agora é reconhecido como crime na Irlanda

Nova lei identifica o abuso psicológico como uma das práticas características da violência doméstica.

No dia 1º de janeiro, entrou em vigor, na Irlanda, a Lei da Violência Doméstica 2018. Com essa nova legislação, o Estado passa a oferecer maior proteção às vítimas do chamado “controle coercitivo”, que agora é considerado crime. A prática, também identificada como abuso psicológico, envolve situações de humilhação e intimidação por uma das partes do relacionamento, sendo um meio de obter controle e poder sobre a vítima.

Em comunicado à imprensa, o Ministro da Justiça da Irlanda, Charlie Flanagan, explicou o motivo de essa medida ser tão necessária. “O efeito de um controle não-violento em um relacionamento pode ser tão prejudicial para as vitimas quanto o abuso físico, pois trata-se também de um abuso da confiança“.

Entre os impactos que o “controle coercitivo” pode apresentar na vida da vítima, estão a sensação de constante angústia e o medo de sofrer agressões do parceiro.