Afaste seu filho das drogas

Conheça os sinais que indicam se o seu filho usa drogas e o que fazer se ele for viciado

Se você suspeita que seu filho usa 
drogas, diga a ele que deseja ajudá-lo 
a superar o problema
Foto: Getty Images

Como descobrir se o seu filho é viciado

Primeiro observe. Repare se seu filho tem tido as seguintes características:

. Tem hálito de álcool ou suas roupas têm cheiro frequente de cigarro.

. Gasta muito rápido o dinheiro que cai em suas mãos, pede dinheiro dia sim, dia não, e vende coisas de casa porque precisa de dinheiro.

. Seu desempenho escolar caiu muito.

. O comportamento mudou drasticamente: era tímido e agora está ansioso. Ou o inverso.

. Não se interessa por programas em que não possa entrar em contato com as drogas, como uma reunião familiar, viagem com a avó, cinema com irmãos.

 

O que fazer se o seu filho usa drogas

. Evitar o confronto.

. Dizer a ele que suspeita que esteja usando drogas e que quer ajudá-lo.

. Explicar que esse vício pode trazer muitas perdas: amigos, empregos, viagens.

. Procurar orientação para pais, para que vocês falem de seus medos, ansiedades e dificuldades.

. Procurar ajuda de especialistas, psicólogos e psiquiatras, e de grupos de apoio, como os Centros de Atenção Psicossocial de Álcool e Drogas (CAPS ad), que são do Governo, e os Narcóticos Anônimos (NA). Você também pode tentar um grupo de ajuda em sua igreja. Se o caso for muito grave, busque uma clínica de reabilitação.

 

Como prevenir que seu filho use drogas

. Até 8 anos
Ensine o conceito de vida saudável: boa alimentação, atividades físicas e regras respeitadas dentro de casa.

. Dos 9 aos 11
Comece a conversar sobre o efeito nocivo de álcool e cigarro. Nessa idade, eles já viram familiares fumando ou ”alegres” em festas.

. Dos 12 aos 13
Comece a falar de outras drogas. Aborde o assunto a partir de um filme ou de uma cena da novela.

. Dos 14 em diante
Convive com outros jovens, vê as drogas de perto. Diga que usar não faz bem e que você não aceitará que ele prejudique a própria saúde.

 

Como evitar as drogas em casa?

. Mente vazia, oficina do diabo
Ter uma vida ociosa é um fator de risco, pois assim ele terá mais tempo para ficar na rua e se envolver com as pessoas erradas. Coloque-o no inglês, futebol, vôlei ou grupos de estudo.

. Sinal de alerta
Se, de uma hora para a outra, o jovem fica agitado, ligue o alerta. Repare se ele mudou de amigos, se as notas caíram ou se ele anda estranho demais.

. Tom amoroso
Eventualmente, seu filho poderá conhecer alguma droga, saber qual amigo usa ou onde encontrar. Fale com ele sem usar um tom autoritário. Amorosa, você tem mais chances de ser ouvida e compreendida. Mostre que só quer o bem.

 

O que cada droga causa no organismo

. Álcool
Primeiro, ele relaxa. Depois, embaralha a voz, deixa a visão dupla e o andar cambaleante.

. Cigarro
É um leve estimulante, mas com alto poder de dependência.

. Inalantes (lança-perfume, cola de sapateiro)
O efeito é parecido com o do álcool: primeiro, descontração, riso desenfreado. Depois, a pessoa fica cambaleante. E ainda há o perigo de provocar desmaios.

. Anfetamina, Crack e Cocaína
Causam agitação, ansiedade e até paranoia, mania de perseguição. Dependendo da dose, a pessoa se torna agressiva. O crack é feito de cocaína e tem ação mais rápida e devastadora.

. Maconha
Visão, paladar, olfato e tato ficam modificados. Dá uma fome louca depois do uso.

* Fonte: Denise de Micheli, professora de Medicina e Sociologia do Abuso de Drogas