Ajude seu filho a dormir na hora certa

A garotada está dormindo pouco e mal nestes novos tempos. Descubra qual a importância de estar em paz com o travesseiro e como criar um círculo virtuoso em que crianças e adolescentes descansam mais e ficam felizes.

Em qualquer idade é fundamental ter horário estipulado para ir dormir. A rotina comanda o corpo e serve de estímulo para o sono.
Foto: Getty Images

Eles não gostam mesmo de dormir. A maioria dos pequenos e dos maiorzinhos vai para a cama por ordem dos pais. Some-se a isso uma infinidade de tarefas e atividades mais interessantes (TV, celular, videogames…) e temos uma legião de insones. Até os adolescentes, com fama de dorminhocos, andam gastando menos tempo entre os lençóis do que deveriam. “Depois que entra na puberdade, o relógio biológico atrasa uma ou duas horas. Ou seja, se a criança costumava ir para a cama às 9 da noite, passará a fazê-lo às 11 horas”, descreve a neurologista Márcia Pradella-Hallinan, coordenadora do setor de pediatria do Instituto do Sono (SP). “Porém o horário da escola não atrasa e o jovem acaba privado de sono.”

Pesadelo para o desenvolvimento

A falta de descanso é maléfica em todas as idades. “Para o bebê, atrapalha o amadurecimento das funções neurológicas. No caso das crianças, ficam hiperagitadas e irritadas por não dormirem o suficiente”, diz o neurologista Shigueo Yonekura, de São Paulo. Além disso, é durante o sono que o pequeno armazena o que aprendeu ao longo do dia. Portanto, dormir mal está diretamente relacionado a deficiências de aprendizagem. Quem descansa menos de dez horas por noite tem mais chance de desenvolver problemas cognitivos e de comportamento quando entra na escola, mesmo que já esteja dormindo mais na fase escolar. Essa foi a conclusão de um estudo realizado em 2010 no Centro de Doenças do Sono do Hospital do Sacré-Coeur, em Quebec, no Canadá. Quer mais? “Durante o sono, produzimos hormônios que regulam o apetite e o metabolismo da insulina. Por isso, crianças que dormem pouco estão sujeitas a desenvolver obesidade e resistência à insulina, podendo ter diabetes na adolescência”, explica a pediatra Lilian Zaboto, de São Paulo. É nesse período também que se fabrica o hormônio do crescimento, essencial até os 20 anos.

Fim da insônia

O melhor caminho para acabar com a falta de sono dos filhos é cuidar do ritmo deles. “A vida dos adultos se reflete claramente na agitação das crianças”, garante o médico antroposófco Derblai Sebben, da Associação Brasileira de Medicina Antroposófica. Sendo assim, não permita que a bagunça do dia a dia as afete. “É bom ter um horário determinado para cada coisa. A fisiologia é influenciada pelo relógio biológico, que precisa ser regulado pelo ambiente. Uma casa sem rotina gera problema de sono e, consequentemente, de desenvolvimento”, acredita o especialista. Se você quer ajudar os seus filhos a passar tempo suficiente na cama, é preciso adequar o ambiente e o relógio para isso, combinado?

Noite bem dormida

Algumas atitudes ajudam a colocar o seu filho na cama e a mantê-lo lá pelo tempo necessário. Veja só…

Bebês

· Devem ser levados para o berço todos os dias no mesmo horário.

· Programe um ritual do sono – banho, massagem, música… É importante o nenê associar a sequência com o adormecer. Acostume o bebê a dormir sozinho e saia do quarto antes que ele caia no sono. o pequeno acorda várias vezes durante a noite e vai procurar o último estímulo que teve antes de dormir.

· Se pegou no sono com os pais, vai chamá-los.

Crianças

· “Para aquelas de até 8 anos, o ideal é colocá-las na cama por volta das 19 horas. Se passar disso, elas começam a se agitar e ficam despertas”, relata Derblai.

· “Evite situações de stress e agitação no final do dia”, aconselha Lilian.

· Crie uma rotina: tomar banho, escovar os dentes, ler uma história, rezar, beijar os pais… “esse ritual deve levar entre 20 e 30 minutos”, explica Márcia Pradella-Hallinan.

Adolescentes

· Estipule um horário fixo para os jovens irem dormir todos os dias.

· Produza um ambiente apropriado no quarto deles. o ideal é que o lugar seja escuro e não tenha TV, computador ou qualquer outro eletrônico que funcione como um estimulante.

· Peça para deixarem o celular fora do quarto.

· “Nem pense em servir refeições pesadas para eles após as 18 horas”, recomenda Lilian.

Clique na imagem abaixo e confira mais dicas de como fazer seu filho dormir bem e ter uma noite tranquila:

Ajude seu filho a dormir na hora certa
Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s