Conheça os bastidores do programa do Dr. Pet

Acompanhamos as gravações do quadro do Domingo Espetacular, da Record, que está emocionando o público, e contamos tudo aqui pra você

Conheça os bastidores do programa do Dr. Pet

Na hora de gravar, era preciso acenar com um biscoito canino na mão para a fofa ficar quieta
Foto: Roberta Borges

A expectativa estava a mil quando a nossa equipe saiu da redação rumo à gravação do quadro Dr. Pet, do Domingo Espetacular, da Record! Afinal, quem não gosta de cachorro, gato, papagaio, hamster, coelho…?! A gente adora!!!

Seguimos para os estúdios da emissora paulista a fim de bater um papo com Alexandre Rossi, o querido doutor que dá nome ao quadro, antes de começarem as sequências. E o encontro não poderia ter sido mais descontraído. Ainda mais quando se tem a Estopinha por perto. A cachorrinha, que era de rua, é um verdadeiro furacão e chegou ao lado do dono chamando todas as atenções.

Foi uma primeira impressão, digamos, impactante e supergostosa. E, segundo Alexandre, aconteceu exatamente o mesmo com ele ao conhecê-la. “Depois que a Sofia (sua antiga cadelinha) foi morar com a minha ex-mulher, precisava de uma nova assistente e ao ver a Estopinha, que havia sido devolvida três vezes (à pessoa que queria dá-la para adoção) por ser sapeca, logo me apaixonei. Ela curte muito as coisas, acha tudo o máximo e isso me fascinou”, explicou o especialista.

Já o astro principal do quadro é o avesso da pequenina. Tranquilo e muito simpático, Alexandre contou detalhes do tempo de criança quando descobriu seu amor pelos bichos, das experiências fora do país, do quadro e muito mais… Nós, claro, aproveitamos a boa vontade do moço e ficamos por dentro de tudo sobre sua vida e a trajetória profissional.

Após essa conversa inicial, participamos da reunião de pauta com Alexandre, Maurício Donato, criador e diretor do programa, e o restante da galera. A serelepe Estopinha assistiu a tudo atentamente e volta e meia interrompia o papo com lambidas de amor no dono e protetor, que não se importava nem um pouco com as demonstrações de carinho. Ele, aliás, é bastante paciente, não só com a cachorrinha, como com qualquer outro bicho e há muito tempo. Para quem não sabe, o comportamento animal, especialização de Rossi, é uma paixão antiga. 

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s