Paulo Gustavo e Thales Bretas mostram o rosto dos filhos pela primeira vez

No 'Fantástico', o casal revelou a dor de ter perdido os primeiros filhos e como foi ver Romeu na UTI após o nascimento prematuro.

Quem também participou do ‘Fantástico’, no último domingo (6), foi o casal Paulo Gustavo e Thales Bretas. Pela primeira vez, eles mostraram o rostinho dos pequenos Romeu e Gael e falaram das dificuldades que enfrentaram para ter os filhos.

Os pais contaram que os pequenos nasceram de uma segunda tentativa de inseminação artificial, com duas barrigas de aluguel diferentes na California. A primeira aconteceu há dois anos e a ideia era inseminar dois embriões – um com o esperma de Paulo e o outro com o de Thales – e fecundá-los na mesma barriga de aluguel. Entretanto, a gestação não chegou até o fim.

Depois de um ano intenso de sofrimento com pessoas sempre perguntando sobre os filhos do casal e eles respondendo que a gravidez não havia vingado, Paulo e Thales decidiram tentar novamente. Dessa vez, eles escolheram óvulos de uma mesma mulher, disponíveis em um banco de doação, para serem inseminados com o esperma de ambos. Só que, para gerar os bebês, Paulo e Thales escolheram duas barrigas de aluguel diferentes.

Romeu deu um susto nos pais, pois nasceu de 35 semanas com complicações respiratórias, o que o levou para a UTI Neonatal. “Ele estava todo entubadinho no nariz, e sonda e boca e umbiguinho. Todo dia a gente chegava pertinho e as enfermeiras falavam: ‘gente, vocês ficam aqui o dia inteiro, vão descansar’. A gente não quer descansar, a gente quer ir embora com ele. E a gente falava: papai volta às 7h da manhã, dorme com Deus, vai dar tudo certo. E quando tinha notícias, de que ‘hoje vai desentubar, vai tirar a sonda’, a gente contava no ouvidinho dele”.

Romeu no colo de Paulo Gustavo na UTI Neonatal após ter nascido antes do tempo e ter desenvolvido problemas respiratórios por isso

Romeu no colo de Paulo Gustavo na UTI Neonatal após ter nascido antes do tempo e ter desenvolvido problemas respiratórios por isso (Globoplay/Reprodução)

 

Thales com Romeu no colo após o nascimento precoce que o levou para UTI por problemas respiratórios

Thales com Romeu no colo após o nascimento precoce que o levou para UTI por problemas respiratórios (Globoplay/Reprodução)

Paulo também se emocionou ao dizer que o pequeno tinha dificuldade para mamar – ele precisava ingerir 50 ml de leite para melhorar, mas sempre tomava muito pouco no começo. “E ele mamava 7, 8, 12. E aí a gente falava: tenta mamar mais um pouquinho para ir embora. Ai mamava 20, 25… todo dia”. Para a felicidade dos pais, 11 dias após o parto, Romeu teve alta e, para completar a festa, o irmão Gael nasceu três dias depois.

Esse é Gael:

 (Globoplay/Reprodução)

 (Globoplay/Reprodução)

Esse é Romeu: 

 (Globoplay/Reprodução)

Pelo fato de terem nascido em Los Angeles, na Califórnia, os pequenos já têm dupla cidadania. E no último sábado (5), desembarcaram no Brasil.

☆ Tudo sobre o misterioso signo de Escorpião ☆