Saiba qual é a melhor hora para soltar as rédeas e tornar seu filho independente

Com o tempo, os filhos precisam aprender a se virar sozinhos. Não sabe qual é o momento ideal? Listamos abaixo a idade mais adequada para você dar liberdade e autonomia às crianças. Confira!

A hora do seu filho bater asas e voar vai chegar. Aprenda a lidar com cada fase!
Foto: Thinkstock

Para se tornar um adulto seguro, seu filho precisa confiar em si mesmo. Uma das maneiras de ajudar nisso é dar autonomia a ele aos poucos. Cada novo desafio tem uma fase ideal para acontecer, mas é importante ouvir sua intuição e avaliar quando a criança estará mesmo preparada para ganhar um tantinho a mais de independência. Reunimos aqui informações que vão ajudá-la nessa jornada.
 
 

Andar sozinho e pegar ônibus

 
Para saber se está na hora de deixar seu filho sair sozinho, considere alguns fatores, como a maturidade dele, o tamanho da cidade e a distância a ser percorrida. Se vocês vivem em um município pequeno, ir para a escola sem companhia deve ser algo comum entre crianças de 10 anos ou até menos. Mas isso não quer dizer que seja o mais acertado. “Uma criança de 9 ou 10 anos pode se distrair e acabar se perdendo, ser atropelada ou manipulada por pessoas mal- intencionadas”, opina Karem Cristina Moreno Trigueirinho, educadora e psicopedagoga do Colégio São Judas Tadeu, de São Paulo. Segundo Karem, por volta dos 14 anos seria a fase ideal para sair desacompanhado. O mesmo vale para começar a pegar ônibus. No início, os trajetos devem ser curtos e conhecidos. “Oriente seu filho e confie na capacidade dele, sem ficar ligando para o celular o tempo todo”, diz a especialista. Peça apenas que ele telefone quando sair e quando chegar.
 

Ficar em casa sem mais ninguém

 
Antes dos 12 anos, evite deixar seu filho sozinho em casa, principalmente por longos períodos. A criança pode não avaliar os riscos e viver situações de perigo, como brincar com fogo ou pular de uma escada alta, por exemplo. Espere que seu filho tenha noção do que é seguro e saiba telefonar para pedir ajuda, se for preciso. E ensine-o a nunca abrir a porta para estranhos.
 

Dormir na casa de um amigo

 
Hoje em dia, crianças bem novinhas já querem dormir fora. “Com 7 ou 8 anos, você pode deixar, desde que conheça bem a família”, sugere Karem. É uma boa oportunidade para seu filho se tornar mais independente porque ele terá que cuidar da roupa, de escovar os dentes e de se alimentar com o que for oferecido. Até os 6 anos, o melhor é só passar o dia fora.
 

Começar a ajudar na cozinha

 
A partir dos 4 anos, a criança já possui coordenação motora para se aventurar na cozinha ao seu lado, mas longe do fogão e de facas. Ela pode ajudar a sovar um pão ou a lavar e temperar a salada, por exemplo. Aos poucos, vá dando mais autonomia ao pequeno, sempre com supervisão de um adulto. Porém, mexer com fogo e objetos cortantes sozinho, só com 14 anos ou mais.
 

Aprender a lidar com dinheiro

 
Ensine para que serve o dinheiro a partir dos 3 anos. Use cédulas de mentira e brinque de fazer compras com seu filho. “Aconselho a dar uma mesada a partir dos 6 anos, de valor baixo, para a criança poupar uma parte e comprar as próprias coisinhas”, diz a psicopedagoga. Adolescentes devem aprender a gerenciar a mesada. Se acabar antes do fim do mês, não dê nenhum extra.
 

Começar a trabalhar

 
Pela legislação brasileira, a partir dos 14 anos já é permitido trabalhar, desde que seja como aprendiz, por meio período, durante o dia e em função que não ofereça risco à saúde. Pode ser muito positivo para seu filho ganhar o próprio dinheiro e se preparar para uma profissão. Se ele desejar isso, incentive-o. “Trabalhar faz o jovem se sentir útil, melhora a autoestima e ajuda a amadurecer”, diz Karem. Fique atenta aos direitos dele: não deixe que seja explorado ou que o desempenho na escola piore.
Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s