Alice Wegmann recusa convites para posar nua: “Não é a imagem que quero para mim”

A atriz abandonou o jeito doce para interpretar a vilã da primeira fase de "Em Família" e a mudança atraiu convites ousados

Alice dá vida à Shirley na segunda fase de Em Família
Foto: Eduardo Biermann

Nada como uma vilã para dar a chance a uma atriz de mostrar a que veio. Alice Wegmann, 18 anos, que até agora era conhecida por suas duas participações em Malhação (Globo, na 18ª e na 20ª temporadas) e na trama das 6 A Vida da Gente (Globo), aproveitou essa oportunidade. Ao dar vida à invejosa Shirley na segunda fase de Em Família (Globo), deu provas de que está em processo de amadurecimento. “Quando comecei, aos 15 anos, não dava o valor que dou hoje. Atualmente estudo muito, vejo mais filmes… Não é mais como antigamente. Era mais uma brincadeira, um lazer. Agora vejo como uma grande responsabilidade”, afirma. Na história, a missão de sua personagem era tornar a vida da protagonista, Helena (Bruna Marquezine, 18) um inferno, mas, atrás das câmeras, a relação com a colega passa longe da rivalidade da ficção. “A Bruna já está na estrada há muito tempo e me ajuda muito”, conta. Atualmente, Alice se dedica ao segundo período do curso de comunicação social da PUC-Rio (Pontifícia Universidade Católica), mas também tem na dança uma de suas paixões. Ex-aluna do Lyceu Escola de Dança, em Botafogo, zona sul do Rio, cenário para o ensaio de CONTIGO!, ela foi recebida pelos funcionários com festa depois de três anos afastada. “Eu me sinto voltando para casa”, diz emocionada. “Sinto muita falta. Dancei por quatro anos. Teve uma época em que eu ficava na escola de segunda a sábado… Sempre penso em voltar, mas os horários não batem”, lamenta.

Sem ser vista na companhia de um namorado desde meados do ano passado, quando terminou com o ator Arthur Aguiar, 24 (Virgílio na primeira fase de Em Família), com quem teve um relacionamento de três meses, Alice se recusa a falar do assunto, a não ser que seja sobre as peripécias de sua personagem. Questionada se já passou por alguma disputa parecida com a de Shirley, que não mediu esforços para tirar Laerte (Guilherme Leicam, 23) de Helena, ela logo dispara: “Nunca! Nem conheço ninguém que tenha feito nada parecido com o que a Shirley apronta”, diz às gargalhadas. O sorriso só se desmancha quando o assunto é sua vida amorosa. “É difícil explicar para as pessoas que você não quer falar sobre determinadas coisas”, reclama. “Sei que faz parte da profissão, mas é algo que ainda estou aprendendo a lidar”, defende-se.

Virgindade é outro tema que a deixa desconfortável, no entanto, não esconde que faz parte da turma que valoriza “a primeira vez”. “Acho a virgindade muito importante, tanto para a menina quanto para o menino. Realmente acho que não deveria ser tão desvalorizada. É um momento muito especial. Tem de ser com a pessoa que você gosta, confia e, principalmente, se sinta bem”, avalia.

Alice Wegmann recusa convites para posar nua: "Não é a imagem que quero para mim"

A atriz vem mudando a alimentação para manter suas curvas
Foto: Eduardo Biermann

Maioridade

Desde que completou 18 anos, em 3 de novembro, Alice vem reparando em suas mudanças, não apenas em questões relacionadas ao trabalho, mas também em sua personalidade. “Engraçado, achei que não fosse sentir tanta diferença, mas eu juro que, no mês do meu aniversário, já me senti mais madura”, garante. E um de seus maiores desejos nesta nova idade é tirar a carteira de habilitação.

O papel na trama de Manoel Carlos, 80, também coroou seu amadurecimento. Na pele de Shirley – que agora, na terceira fase de Em Família, é defendida por Viviane Pasmanter, 42 -, Alice mostrou um lado que poucos conhecem: mais sensual, adulto e totalmente diferente de sua personagem Lia, protagonista da temporada anterior de Malhação (2012). “Ela era uma adolescente cheia de conflitos e a Shirley é mais adulta. Tem um quê de sensualidade”, compara. “Vejo esse trabalho na novela como uma transição, de deixar de lado aquele jeito confuso da adolescência e passar para a fase mais adulta”, afirma.

Só que, com essas mudanças, vêm também convites mais ousados, como ensaios sensuais e até mesmo o nu. No entanto, descartados imediatamente pela atriz. “Não é o tipo de coisa que penso agora. Não é a imagem que quero para mim. A gente nunca sabe do futuro, mas acredito que não queira fazer. É uma exposição que não gostaria de ter”, diz.

Cara lavada

Com sorriso espontâneo e beleza natural, maquiagem é algo dispensável no dia a dia de Alice Wegmann. Na faculdade, vive destoando das colegas, que não dispensam um make para desfilar pelos corredores da PUC. “Na maioria das vezes, uso apenas um corretivo para disfarçar as olheiras. Não passo nem rímel, no máximo um curvex”, garante. Ela tem a teoria de que a tendência das pessoas é sempre achar as atrizes horrorosas ao natural. Por isso, até em cena pede aos maquiadores que usem o mínimo em seu rosto para não contrastar tanto. “Prefiro que tudo seja bem leve para não se assustarem comigo na vida real”, brinca.

Quando o assunto é boa forma, o discurso muda. Dona de curvas esculpidas pelo atletismo – ela também foi ginasta federada! – e pela dança, Alice não descuida da balança. “Às vezes, me olho no espelho e falo: ‘Que saudade do meu corpinho (risos)!’ Tenho me alimentado melhor. Não que eu tenha mudado nada radicalmente. Troquei uma coisinha ou outra e fico de olho nos horários. Mas senti que chegou um momento em que vi que precisava me cuidar mais”, conta a atriz, que está em cartaz no Rio de Janeiro com a peça Conto de Verão e também deve estrelar a transposição dessa história de Domingos de Oliveira, 77, para o cinema.

ESTA MATÉRIA FAZ PARTE DA EDIÇÃO 2004 DA CONTIGO!, NAS BANCAS EM 12/02/2014.

Alice Wegmann recusa convites para posar nua: "Não é a imagem que quero para mim"

Alice no Lyceu Escola de Dança, no Rio, onde estudou até os 15 anos
Foto: Eduardo Biermann

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s