Amor à Vida: Félix tinha um irmão gêmeo

Parece que a história do nascimento e infância de Félix está envolta em um grande mistério!

Siga o mdemulher no Instagram

Será que foi a falta de amor paterno que transformou o moço em vilão?
Foto: Divulgação/ TV Globo

Pelo jeito o autor, Walcyr Carrasco, só revelará todos os detalhes em janeiro, para quando está previsto o final da novela. Porém, os indícios de que o vilão tinha um irmão gêmeo já começam a aparecer nos próximos capítulos.
 
Herbert (José Wilker) passa uma noite como hóspede na mansão dos Khoury, e quando está se despedindo, Pilar (Susana Vieira) confidencia a ele que ainda tem trauma e nem quer lembrar o terror que passou. “Por mim, teria mandado aterrar essa piscina”, diz a médica, referindo-se a uma tragédia do passado que teria acontecido ali.
 
Outra pista, também bastante forte, será dada por César (Antonio Fagundes). Numa conversa com Lutero (Ary Fontoura), o médico revela que sente saudade do filho que morreu e ódio por Félix (Mateus Solano) ter sobrevivido. “Às vezes acho que não é o Félix que tinha que ter sobrevivido. Mas o outro. O outro filho, que eu adorava. Eu penso naquele menino muitas vezes… Por que foi o Félix que ficou?”, desabafa César. 
 
Nesse momento Lutero dispara: “Essa história é terrível, mas você nunca gostou do Félix. Não sei o que é viver sem amor, imagino que isso deixe marcas dolorosas na alma”.