Amor e Revolução: Jandira corre o risco de perder o bebê

Passando por muitos confrontos até chegar a Cuba, a guerrilheira Jandira quase aborta

Jandira passa muito mal e corre o risco de sofrer um aborto
Foto: Divulgação – SBT

Depois de enfrentar o Comando de Operações em Foz do Iguaçu, Jandira (Lúcia Veríssimo) e Batistelli (Licurgo Spinola) conseguem, enfim, ultrapassar a fronteira e viajam para Cuba.

A guerrilheira, que continua escondendo sua gravidez de todos, acha estranho que, apesar de já estar no quarto mês, sua barriga não cresce. Batistelli tenta acalmar a companheira e diz que, quando chegarem a Havana, ela ficará sob cuidados médicos.

Mas não dá tempo: Jandira passa mal e, sentindo muita dor, coloca a mão no ventre. Aterrorizada, ela percebe que está sangrando e acredita que irá perder o bebê.

Longe dali, no Brasil, quem também sofre, mas por causa de uma gravidez indesejada é Stela (Joana Limaverde). Mesmo com o apoio de João (Paulo Leal), ela decide fazer o aborto. Só que, já no dia seguinte, passa muito mal e só não morre porque é levada a tempo ao hospital.

 

Maria teme que José a esqueça

Na fronteira, a polícia encontra uma arma com Maria (Graziella Schmitt) e os guerrilheiros atacam os soldados. Felizmente, todos saem ilesos e seguem para Cuba.
 

Amor e Revolução: Jandira corre o risco de perder o bebê

Maria não consegue esquecer José
Foto: Divulgação – SBT

José (Claudio Lins) fica tão desesperado de saudade, que manda uma carta para a amada por intermédio de Lúcia (Fátima Freire). Quando lê a correspondência, Maria chora. Jandira a aconselha a se focar no treinamento militar e parar de pensar no namorado.

A mocinha até tenta, mas seu coração só lhe diz que, em breve, José irá conhecer outra mulher.