Angelina Jolie fala sobre possível candidatura à presidência no futuro

"Eu sempre digo que vou para onde precisarem de mim", falou a atriz e ativista, em um programa de rádio.

Nesta sexta-feira (28), Angelina Jolie deu uma entrevista ao programa de rádio “Today”, da BBC. Entre outras coisas, a atriz e ativista falou sobre uma possível carreira na política – e não descartou a possibilidade de se candidatar à presidência dos Estados Unidos em um futuro próximo.

“Honestamente, se você me perguntasse isso 20 anos atrás, eu teria dado risada. Eu realmente não sei. Eu sempre digo que vou para onde precisarem de mim. Não sei se se estou apta para a política, mas também já brinquei ao dizer que não sei se tenho mais algum esqueleto no armário, então eu estou bem aberta (…)”, disse Angelina ao ser questionada sobre o assunto pelo apresentador Justin Webb.

Jolie afirmou, ainda, que faria o que fosse preciso para provocar uma mudança no mundo: “Neste momento, sou capaz de trabalhar com uma agência da ONU (…), e trabalhar diretamente com as pessoas mais necessitadas. Eu também sou capaz de trabalhar com governos e militares e, por isso, estou em uma posição muito interessante [socialmente], de conseguir fazer muito sem possuir um ‘título’, sem que isso seja sobre mim ou minhas políticas. Então, por enquanto, eu vou ‘ficar quieta’, completou.

Foi aí que Webb a provocou, dizendo que colocaria o nome dela na lista de democratas que vão concorrer nas próximas eleições presidenciais americanas. A resposta da atriz? Apenas um “obrigada”, acompanhado de uma risada honesta. O apresentador, incansável, deixou bem claro que ela não havia se posicionado contra a ideia – e Angelina, mais uma vez, finalizou com uma gargalhada.

Veja o trecho da entrevista (em inglês):

Uma presidente dessas, hein?