Arthur Aguiar: ‘Estou solteiro, feliz e focado no meu trabalho’

O protagonista de Malhação Sonhos passou por grandes mudanças para viver o personagem Duca. Cortou os cabelos, fez reeducação alimentar e começou a praticar Muay Tai.

Arthur Aguiar: 'Estou solteiro, feliz e focado no meu trabalho'

O galã mudou o visual para viver novo personagem
Foto: TV Globo/Divulgação

Nos últimos dois meses, a vida do gatíssimo Arthur Aguiar não foi nada fácil. Ele treinou de duas a quatro horas diárias de muay thai e participou de vários workshops de interpretação e expressão corporal. Tudo isso por uma causa maravilhosa. Aos 25 anos, ele vive pela segunda vez o protagonista de uma novela!
Depois do Diego na versão brasileira de Rebelde (2011), da Record, e do Virgílio na primeira fase de Em Família, ele voltou à telinha nesta segunda, 14, na pele do Duca, em Malhação Sonhos.
O colírio está solteiro, é do tipo caseiro e curte ficar com a família. Encante-se ainda mais com Arthur nesta entrevista reveladora!
 
Você tem muitas fãs por causa de Rebelde. Isso aumenta a responsabilidade com Malhação Sonhos?
Independentemente do que fiz antes, tenho que mostrar um bom trabalho. A gente não vive daquilo que já conquistou. E, para mim, o papel que estou interpretando é sempre o mais importante da minha vida e me dedico a ele cem por cento.
 
Já tinha feito muay thai antes?
Não, comecei por causa da novela. E foi muito bom! A mente melhora, a gente fica mais calmo, consciente, o corpo muda. Acho que a mensagem que a gente quer passar é que muay thai não é só luta, mas estilo de vida. Não dá para sair muito à noite, nem beber. Tem de ter vida de atleta. E o meu personagem é assim, quer ser um campeão!
 
Então, seu corpo mudou?
Muito. Mas mudei a alimentação também. Não como comida com sal, carne vermelha nem besteiras. E só bebo água.
 
Quanto está pesando?
Estou com 67 kg. O personagem exigia um pouco mais de massa muscular. Mas o Duca é um cara muito sensível, do bem, que usa a luta como esporte e não para agredir.
 
Por que o namoro dele com a Bianca (Bruna Hamu) precisa ser escondido?
Ele tem um mestre, o Gael (Eriberto Leão), que o trata como o filho que não teve. E o Duca se inspira muito nele, quer ser um campeão como Gael já foi. E a Bianca é uma das filhas desse ídolo. Então, como namorar a garota sem abalar a relação com o mestre? É difícil.

Mestre Gael (Eriberto Leão) ao lado de seu pupilo Duca.
Foto: TV Globo/Divulgação

Consegue tempo de sair, ir para balada, namorar?
Estou tendo tempo só para trabalhar bastante (risos). Prefiro descansar. Já sou um cara mais tranquilo, gosto de estar em casa com a minha família, de assistir a filmes, ler…
 
Muitos protagonistas de Malhação tornaram-se grandes atores. Você se inspira em alguém?
Em muitos colegas e não só como atores, mas também na forma como levam a vida. Gosto muito do Wagner Moura, do Tony Ramos… O Cauã Reymond teve um crescimento surreal. Fico vidrado, pensando em como ele consegue fazer tantos personagens diferentes e incríveis em tão pouco tempo! E o meu desafio é este: fazer um papel melhor que o outro, sempre!
 
Já ficou com alguma fã?
Não, nunca fiquei. Não estou sendo hipócrita, nunca fiquei mesmo.
 
Está solteiro?
Sim, estou… Feliz e focado no meu trabalho!