Conheça os detalhes da casa da influencer Fabiana Justus

No novo apartamento da empresária e influencer de moda Fabiana Justus e de seu marido há espaço para muita privacidade.

Quando a empresária e influencer de moda Fabiana Justus, 30 anos, uma das criadoras da marca Pop Up Store, se casou com o administrador de empresas Bruno D’Ancona, há seis anos, eles não eram tão iniciados no mundo da decoração e, por isso, optaram por um projeto de arquitetura e décor “sem muitos riscos”, define ela. Mas, ao trocarem de endereço e migrarem do Cidade Jardim, bairro na Zona Sul de São Paulo, para os Jardins, região mais central, há quase um ano, a história foi bem diferente. “Já estávamos mais maduros e conhecíamos nossas necessidades. Por isso conseguimos ousar um pouco e criar um espaço que reflete as nossas personalidades e combina com a nossa atual fase”, conta Fabiana.

A mudança de CEP aconteceu porque ambos queriam ficar mais perto do trabalho e poder fazer mais atividades a pé. “A nova loja da minha marca fica no bairro, chego em meu escritório, no Bom Retiro, rapidinho, e, além disso, na região há vários restaurantes, bares, cafés, academias. Morando no outro apartamento, tinha de pegar o carro com frequência”, afirma.

O processo de escolha do novo apartamento durou seis meses. “Não conseguia gostar de nenhum que via. Mas, quando entrei aqui, senti que era o lugar certo. As características típicas de prédios mais antigos, como pé-direito alto, os ambientes espaçosos e a janela que vai de ponta a ponta na sala, me conquistaram. Só que, na hora de fechar o negócio, descobri que tinha acabado de ser vendido”, relembra. “Foi um banho de água fria. Semanas depois, porém, o corretor me ligou para avisar que a compra não tinha sido concretizada e que, seu eu quisesse, o imóvel ainda estava disponível.”

Ela disse que sim e logo em seguida começou uma corrida para escolher os profissionais que iriam reformar o espaço de 240 m². “Assim que começamos a planejar a mudança, fui arquivando referências, principalmente no Instagram, de projetos lindos que tinham a ver com a gente. Fui notando que boa parte deles levava a assinatura da turma do Suite Arquitetos.” A empresária marcou então um encontro com o trio de arquitetos que comanda o escritório – Filipe Troncon, Daniela Frugiuele e Carolina Mauro –, conhecido pela linguagem moderna, e os levou para conhecer o apartamento. “Eles amaram o espaço tanto quanto eu. Adorei ver a empolgação deles. Ali surgiu uma cumplicidade que é essencial para esse tipo de parceria”, comenta.

Living com poltronas Paulistana, de Paulo Mendes da Rocha, e LCW, de Charles & Eames. No centro, a mesa branca foi garimpada no acervo do pai de Fabiana, o publicitário e apresentador Roberto Justus. Já a dourada é obra da designer Bianca Barbato.

Living com poltronas Paulistana, de Paulo Mendes da Rocha, e LCW, de Charles & Eames. No centro, a mesa branca foi garimpada no acervo do pai de Fabiana, o publicitário e apresentador Roberto Justus. Já a dourada é obra da designer Bianca Barbato. (/)

Um desejo fundamental dos moradores era viver em um ambiente bem integrado e funcional, inundado pela abundante luz natural. Na reforma, que durou outros seis meses, algumas transformações se destacam: o espaço onde era originalmente a cozinha agora é ocupado pela sala de jantar, com direito à ilha gourmet, a nova cozinha foi feita com o quarto de empregada e parte da área da lavanderia e, como os moradores tinham cada um o seu banheiro e o seu closet no lar anterior e adoravam essa divisão, isso foi replicado por lá também. “O closet do Bruno foi feito em um espaço roubado da suíte do casal. Já o da Fabi, que é mais espaçoso, ocupa um dos quatro dormitórios da planta original”, diz Daniela. Depois do quebra-quebra das obras, o apartamento passou a contar com uma imensa área social, com home office e salas de estar, TV e jantar totalmente sem fronteiras fixas entre si ­– e ainda com a possibilidade de se ligarem à cozinha, que possui uma porta feita com painéis deslizantes. O acesso à área íntimase dá por um corredor e nela ficam o futuro quarto do filho que o casal planeja ter, um quarto de hóspedes e, ao fundo, a suíte máster, com seus respectivos closets e banheiros.

A suíte dos moradores: selfie do casal feita pela empresária, luminária Westwing e almofadas Codex Home.

A suíte dos moradores: selfie do casal feita pela empresária, luminária Westwing e almofadas Codex Home. (/)

Desenhar todo o projeto de marcenaria é mais uma das marcas do trabalho do Suite que aparece aqui. As criações ora escondem armários e ambientes, ora são feitas para sobressair, como o móvel que atravessa toda a área social. “Ele é multiuso: serve como estante, emoldura a TV do home theater, tem nichos para quadros e pode servir de aparador para a refeição que está sendo feita na mesa de jantar”, enumera a empresária. Outro ponto de atenção é a tintura aplicada sobre esse móvel. Especial, ela faz com que a peça, que é de de madeira, pareça ser de concreto graças ao acabamento da tinta – essa tintura aparece também no painel que abriga a porta de entrada da casa e nas portas que escondem o bar com adega. O mobiliário é completamente contemporâneo e repleto de peças de design assinado. Com exceção de alguns móveis que vieram do primeiro lar do casal e de outros que foram garimpados no acervo do pai da moradora, o empresário e apresentador Roberto Justus, a maior parte foi adquirida especialmente para o novo endereço. Há criações de nomes badalados, como Sergio Rodrigues, Paulo Mendes da Rocha e Claudia Troncon, além de invenções dos próprios arquitetos do Suite, que têm um braço do escritório, o Suite Design, para desenvolvimento de produtos. “Algumas peças já eram de linha e outras desenhamos especificamente para eles, como o sofá com gomos, que atende tanto a sala de estar quanto a sala de TV e acabou virando uma das estrelas do décor”, relata a arquiteta. Obras de arte de jovens artistas, fotos clicadas por Fabiana e lembranças trazidas pelo casal de viagens a lugares como Uruguai, México, África do Sul e Mônaco completam a ambientação.

Conseguimos criar um espaço que combina com a nossa atual fase

Fabiana Justus

Por trabalhar com moda e ter um olhar treinado para a combinação de cores, Fabiana ficou muito atenta à paleta da casa. Ela optou por tons claros como protagonistas, como tons de bege e off-white (que aparecem no tapete, no sofá, nas poltronas e no piso), e para coadjuvantes elegeu um amarelo mais forte (em bancos e objetos), diversas nuances vivas de azuis, além do dourado e do cobre (sobretudo nas luminárias). Bons exemplos de toques mais vibrantes são a pintura do lavabo com o famoso azul-klein e o uso do jeans para revestir uma clássica poltrona Mole, de Sergio Rodrigues, que imprimem um ar fresh e mais ousado ao apartamento. “É possível perceber que nos arriscamos sem medo, não é? Fiquei feliz com o resultado porque é exatamente a nossa cara. Isso nos dá ainda mais vontade de ficar por aqui, curtindo os ambientes e recebendo os amigos e a família”, diz.

O sofá com assentos para os dois lados contempla as salas de estar e TV. Ele foi criado pelos arquitetos responsáveis pelo projeto da casa, assim como o móvel de madeira, pintado com tinta que dá um acabamento de concreto, e que serve, entre outras funções, como uma estante.

O sofá com assentos para os dois lados contempla as salas de estar e TV. Ele foi criado pelos arquitetos responsáveis pelo projeto da casa, assim como o móvel de madeira, pintado com tinta que dá um acabamento de concreto, e que serve, entre outras funções, como uma estante. (/)

A casa também é cenário para os divertidos vídeos que Fabiana grava para o seu canal no YouTube (youtube.com/fabianajustus1), uma de suas mais recentes empreitadas no mundo das redes sociais. Neles, mostra suas viagens, divide dicas de beleza, entrevista sua família – mãe, marido, irmãs, pai, ninguém escapa – e conta sobre sua carreira. “Tem sido muito bom falar sobre moda, beleza e lifestyle para as pessoas. Essas plataformas de comunicação são poderosas.” Estar na rede tem ainda uma razão business de ser: ela quer se aproximar de clientes em potencial e conhecer mais suas seguidoras para saber o que desejam vestir. “Também quero que elas saibam quem eu sou, pois é importante que se identifiquem com a pessoa que está por trás das criações da Pop Up Store”, explica. A marca, aliás, passou recentemente por muitas mudanças. No ano passado, foi vendida para a Shoulder e houve uma grande reestruturação para que a etiqueta voltasse ao mercado com uma injeção de ânimo. O primeiro passo dessa nova fase foi a abertura, em março, de uma loja conceito, de 500 m², na Rua Oscar Freire, nos Jardins. Até o final do ano, segundo Fabiana, serão inauguradas mais três unidades. “Muitas coisas já estão caminhando de forma mais produtiva. O que não vai mudar é que eu e minha sócia, Daniele Mattar, iremos seguir liderando o estilo e o marketing do negócio e continuaremos apostando em novas coleções a cada 20 dias nas lojas, trazendo peças must have da estação, sempre com matéria-prima de qualidade e bons preços”, garante.

No closet de Fabiana, penteadeira desenhada pelo trio de arquitetos e, sobre ela, luminária assinada por Claudia Troncon. O nicho das bolsas: modelos Chanel, Valentino, Chloé e Philip Lim, além de muitos outros. O espaço feito para os óculos: armações redondas de marcas como Ray-Ban, Illesteva e Lyndon Leone são as preferidas.

No closet</strong (/)

Flores de todos os dias

Um detalhe essencial da decoração do apartamento são as flores. A cada semana, Fabiana recebe novos arranjos, boa parte deles criada pela designer floral Tetê Castanha. “As propostas costumam ser despojadas, assim como o imóvel”, diz Tetê.

Orquídeas e suculentas que Fabiana ganhou de uma amiga no dia da inauguração da loja de sua marca (único arranjo não assinado por Tetê). No vaso Baccarat, presente de casamento de uma das madrinhas do casal, lírios rosa, cravinas e orquídeas chuva-de-ouro. Rosas, pinóquios e cravinas. “Estas flores combinam com todos os ambientes”, diz a moradora. Mais rosas, lírios, pinóquios e cravinas.

Orquídeas e suculentas que Fabiana ganhou de uma amiga no dia da inauguração da loja de sua marca (único arranjo não assinado por Tetê). No vaso Baccarat, presente de casamento de uma das madrinhas do casal, lírios rosa, cravinas e orquídeas chuva-de-ouro. Rosas, pinóquios e cravinas. “Estas flores combinam com todos os ambientes”, diz a moradora. Mais rosas, lírios, pinóquios e cravinas. (/)

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s