Corpo de Hugo Carvana é cremado no Rio

Familiares e amigos se reuniram nesta segunda-feira (6) para a cerimônia de cremação

Hugo Carvana como Lineu de Celebridade (2003), um de seus mais famosos personagens
Foto: Globo/ Divulgação

Aconteceu nesta segunda-feira (6), em cerimônia fechada, no Salão Celestial do Memoria do Carmo, na Zona Portuária do Rio, a cremação do corpo de Hugo Carvana, morto no último sábado (4), aos 77 anos, vítima de um câncer de pulmão. Amigos e familiares , entre eles a viúva Martha Alencar, estiveram presentes.

As cinzas do artista serão jogadas na Floresta da Tijuca, um dos lugares preferidos de Carvana. Para a ocasião, apenas pessoas próximas deverão comparecer.

Corpo de Hugo Carvana é cremado no Rio

Andrea Beltrão e a viúva Martha Alencar durante o velório do ator
Foto: Marcello As Barreto/ AgNews

Velório

O corpo de Hugo Carvana foi velado durante todo o domingo (5) em uma sala do Parque Lage, Zona Sul do Rio. Amigos famosos do ator, como Andrea Beltrão, Otávio Augusto e Lúcia Veríssimo compareceram e levaram cumprimentos à viúva e aos cinco filhos do artista, Pedro, Júlio, Rita e Maria Clara. Sobre o caixão foi colocada uma bandeira do fluminense, time do coração do ator.

Grande ator

Lutando há cinco anos contra o mal de Parkinson, Hugo Carvana deixa um grande legado de mais de 100 filmes e 20 novelas. Foram mais de 50 anos dedicados ao amor pela arte. Ele foi diretor de clássicos do cinema nacional como Vai Trabalhar, Vagabundo (1973) e Se Segura, Malandro (1977). Na Rede Globo, fez participações importantes em novelas como Corpo a Corpo (1984), Roda de Fogo (1986), O Dono do Mundo (1991), Celebridade (2003) e Paraíso Tropical (2007). Seus últimos trabalhos foram a direção do filme A Casa da Mãe Joana II (2008) e a atuação em 5xFavela (2013).