Cris Vianna conta como lutou para se tornar atriz

Intérprete de Dagmar de Fina estampa abre seu coração e conta como fez para se tornar uma estrela

Cris Vianna conta como batalhou para se tornar atriz
Foto: TV Globo/Divulgação

Antes de ser uma estrela da novela das 21h da TV Globo, Cris Vianna batalhou muito na vida para realizar seus sonhos. Conheça a trajetória da atriz que interpreta Dagmar em “Fina Estampa”.

O começo da batalha
Não foi fácil realizar o sonho de ser atriz. Aos 13 anos, a paulistana Cris Vianna perdeu o pai, que era esportista, e um ano depois se viu às voltas com a tarefa de bancar os próprios estudos. Sua mãe, auxiliar de enfermagem, tinha de dar conta da casa e de outros dois filhos. A jovem Cris, então, começou a cuidar de duas crianças, de 5 e 7 anos, filhas de uma vizinha. “Eu não era babá profissional, não tinha idade para isso, mas adorava crianças e sempre gostei de trabalhar.” É verdade. Ainda na adolescência, ela foi batalhar a carreira de modelo: bateu na porta de várias agências até conseguir agendar desfiles e comerciais de TV.

“Essa profissão me ensinou a ser persistente. Conquistei meu espaço aos poucos”, lembra Cris, que tem 1,76 m e chegou a desfilar na Itália, Canadá, Austrália e Alemanha. Mas enquanto o glamour não chegava, ela ainda arriscou a carreira de cantora. “Participei de um grupo vocal ótimo e de outro que cantava músicas estilo gospel”, conta. Tudo para pagar as aulas de teatro.

Estrela consagrada
Hoje, aos 34 anos, ela surpreende no papel da sofrida Dagmar, que ganha a vida vendendo empadinhas num bar e lutou para tirar um filho da prostituição. “Ela é muito objetiva e prática, eu também tento ser assim”, compara. Mas logo revela: “Dagmar tem sido meu maior exercício como atriz. É um desafio diário”. E olha que Cris não é novata na TV. Ela acumula oito novelas no currículo, todas da Globo. A primeira foi em 2005, quando assumiu o papel da dançarina Drica em América. E de lá para cá, ela só tem comemorado seus sucessos. “Não sou de fazer planos. Vou continuar me aprimorando, estudando e aprendendo tudo o que eu puder com muito carinho. Eu amo o que eu faço!”

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s