Eduardo Moscovis fala sobre seu retorno à TV em “Louco por Elas”

Pai de três meninas, o ator fala sobre a chegada de seu primeiro filho homem e seu novo personagem no seriado

Eduardo Moscovis vive em um universo feminino: três filhas, a esposa e a ex-mulher. Agora o ator será pai de um menino
Foto: AgNews

Eduardo Moscovis já está acostumado a viver cercado por mulheres. Aos 43 anos, é pai de três meninas, Gabriela, 13 anos, Sophia, de 11 (frutos de seu relacionamento com Roberta Richard) e Manuela, 5 (de seu atual casamento com Cyntia Howllet) e irá emprestar um pouco dessa experiência com o universo feminino a Léo, protagonista de “Louco por Elas“, nova série da Globo que estreia na terça 13.

Cheio de novidades, tanto na vida pessoal quanto na profissional, o ator falou sobre a expectativa da chegada do primeiro filho homem, ainda sem nome definido, e de sua volta à TV, depois de sete anos afastado. Confira e divirta-se com o delicioso bate-papo do galã com a MINHA NOVELA!

Viver cercado por tantas mulheres na vida real ajudou na composição de seu novo personagem?
Muito! Acontece uma troca em cena. Tenho emprestado muito ao Léo, mas roubado também. O fato de o personagem morar com as duas filhas, e na idade em que elas estão, já é muito semelhante à minha vida. Estou aprendendo bastante com as meninas (Laura Barreto e Luísa Arraes, suas filhas no seriado). Luísa, por exemplo, vem me antecipando algumas coisas que vão acontecer com a minha filha mais velha daqui a pouco. João (Falcão, redator final e diretor-geral do programa) não deve ter pensado em mim à toa (risos).

Quais são as principais semelhanças e diferenças que existem entre você e o Léo?
Em comum, o fato de viver um universo muito feminino. Três filhas, uma ex-mulher, uma mulher, uma mãe viva e muitas amigas dela, que se aproximam muito da Violeta (Glória Menezes). A diferença é que a única ocupação do Léo é ser técnico de um time feminino de futebol de areia. Sou bem mais ocupado do que ele (risos).

E como está a expectativa para a chegada do meninão?
Estou amarradaço! Ter um menino nunca foi uma vontade. Foi uma filha atrás da outra e tudo certo. Agora, quando a gente engravidou, falei: “Quero que seja menino!” Quando a Cynthia disse que estava grávida de novo, decidi parar com essa história de: “ah, o que vier, veio!” (risos).

Você imaginava que teria tantos filhos?
Nunca! Idealizava o que a maioria das pessoas imaginam, que são dois filhos, que é o ideal. Estou dentro disso, tive dois com a primeira mulher e, agora, mais dois com a segunda (risos)

Eduardo Moscovis fala sobre seu retorno à TV em "Louco por Elas"

Eduardo Moscovis e o elenco de “Louco Por Elas”, nova minissérie da Globo
Foto: AgNews

Mudando de assunto… Sentia falta de estar no ar?
Não… Me cansa! O cansar não é o trabalhar. Não sei se deveria ser uma figura pública. É lógico que convivo com a exposição, mas não é o que acho legal da história. Essa coisa de estar andando na rua e as pessoas me olharem, me chamarem… Ou então, neguinho ficar fotografando a minha vida e a minha família… A sensação de estar sendo observado o tempo todo me cansa pra caramba. Não gosto mesmo.

Por que, então, aceitou participar de Louco por Elas?
Primeiro porque a ideia veio do João Falcão, com quem eu queria muito trabalhar. E, na verdade, gosto de fazer TV. E tem outra coisa: Louco por Elas não tem a mesma audiência de uma novela. Com isso, a parte da exposição é muito menor.

A exposição excessiva foi um dos motivos para você ter ficado tanto tempo afastado das novelas?
Fiz duas novelas seguidas: Senhora do Destino (2004) e Alma Gêmea (2005), que foram dois trabalhos intensos. Paralelamente, fazia peças de teatro. Já vinha com a vontade de dar um tempo quando o Walcyr (Carrasco) me chamou para intepretar o Rafael. Disse que não iria fazer, mas o projeto era maneiríssimo e acabei aceitando. Mas essa sequência me cansou física e mentalmente. Estava me repetindo e precisando de um estímulo profissional diferente… E na vida pessoal também. O que foi muito bom. Voltei de uma forma diferente.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s