Fernanda Cerávolo, diretora do Youtube, ensina como se promover

Diretora do YouTube no Brasil, Fernanda é uma potente voz no mercado e uma das melhores fontes para aprender a se promover no mercado das mídias sociais.

Nos anos 1990, quando a internet começava a se consolidar indispensável na vida moderna, a economista paulistana Fernanda Cerávolo, 45 anos, se encantou com a novidade e decidiu revolucionar também a sua carreira. Deixou de trabalhar em bancos de investimento para desbravar as possibilidades de produção de conteúdo que a rede oferecia. No novo mundo, trabalho como editora da Bloomberg e diretora criativa na Zoo, agência interna do Google. Há seis meses, é diretora do YouTube no Brasil. No posto, filtra tendências e ferramentas que fazem sucesso para a audiência brasileira e organiza treinamentos e workshops com os youtubers. Quer fonte melhor para aprender a se promover no mercado?

Encontre a si mesma e o seu nicho

“Eu sempre falo para os youtubers: já há muita coisa sendo feita e, se você quiser se destacar, é preciso ser original. Se for investir em uma área que já é muito explorada, encontre uma maneira só sua de apresentar o produto. Para isso, considere suas próprias experiências de vida, aquelas que dão a você uma visão única, e procure inspiração em outras áreas que não a sua para ampliar a chance de ter um insight diferente. Também vale usar pessoas do seu círculo e que tenham afinidade com o seu tema para pesquisar tendências e necessidades. De repente, com isso você encontra uma brecha no mercado.”

1,2,3… se joga!

“Quando mudei de área, não pensei muito em como seria. Apenas ouvi minha intuição e corri atrás do que realmente queria fazer. Virei uma esponja para absorver tudo que podia do mundo novo e busquei me especializar. Hoje, muita gente me pergunta o que é preciso para virar um youtuber e eu respondo: pare de idealizar tanto e simplesmente comece.”

Collab, a alma dos negócios

“Algo que tem funcionado para os youtubers são as iniciativas colaborativas: ao buscar uma união com outra voz do mercado, os públicos se somam. Independentemente da sua área, meu conselho é que procure parcerias com pessoas mais experientes e proponha um formato que agregue valor para ambos os lados.”

Adapte-se às redes sociais

“Elas são essenciais para alavancar projetos. Mas é preciso entender a linguagem e a audiência de cada plataforma. Quanto mais você adaptar o conteúdo, melhor para fortalecer seu produto.”

 (/)

Dicas de coach

  • Saiba seu objetivo

Quer lançar um projeto próprio ou mudar de área? É fundamental traçar um objetivo e saber exatamente aonde deseja chegar. “Só assim será possível planejar os seus próximos passos”, diz Janaína.

  • Desenhe o caminho

Muitos visualizam o resultado, mas não o percurso até lá. Por isso, é importante destrinchar ao máximo as etapas e tarefas que precisam ser cumpridas para alcançar o seu objetivo, assim como estudar a viabilidade do projeto e qual será o seu diferencial competitivo. Separe um tempo diário para se dedicar a isso.

  • Tenha uma marca pessoal

Ter uma marca registrada, seja ela visual (um corte de cabelo, uma cor de batom, um estilo de roupa) ou comportamental (um modo de falar ou agir), pode ser um catalisador profissional. “Ao assumir o controle da sua imagem, você marca seus valores e sua visão de mundo. Assim, terá mais chance de ser lembrada por eles”, afirma a profissional.