Fernanda Gentil, a musa da Copa: ‘Não sou uma celebridade, a única diferença é que apareço na TV’

Sombra da seleção brasileira, a jornalista é onipresente na programação da Globo

Siga o mdemulher no Instagram
Fernanda Gentil, a musa da Copa: 'Não sou uma celebridade, a única diferença é que apareço na TV'

Foto: Marcio Nunes

A bola de futebol que circula entre as chuteiras dos jogadores da seleção brasileira é acompanhada de perto por Fernanda Gentil, 27 anos, há quase um mês, desde que passou a morar em um hotel próximo à Granja Comary, em Teresópolis, onde confere diariamente cada passo da equipe de Luiz Felipe Scolari, 65. Onipresente na programação da Globo, na qual chegou a aparecer 17 vezes em um único dia, trazendo informações sobre a equipe brasileira, a jornalista não tem conseguido se desligar nem mesmo quando deita sobre seu travesseiro.

Apontada como musa da Copa do Mundo, ela se esquiva. Fernanda admite ainda não estar acostumada com o assédio do público, que grita seu nome e pede fotos durante o trajeto que percorre entre o clube, onde a Globo montou uma redação temporária, e a Granja Comary. “Não me considero uma celebridade, uma personalidade, nada disso. Meu trabalho é igual ao de qualquer um. Milhões de pessoas ralam como eu ralo, acordam cedo como eu acordo e tem estresse como eu tenho. A única diferença é que eu apareço na televisão”, avalia.

Foto: Marcio Nunes