Fernanda Machado desabafa sobre leitura ajudar na dor do aborto espontâneo

Com a publicação feita no Instagram da atriz, uma bonita rede de apoio foi construída com desabafos e histórias de superação sobre o assunto.

Com seis semanas de gestação, Fernanda Machado sofreu um aborto espontâneo e desabafou sobre a dor no Instagram, para ajudar outras mulheres em situação parecida. Já nesta sexta-feira (24), depois de quase um mês após trazer o assunto para a rede social, a atriz dividiu com os fãs o que tem feito para lidar com a perda.

Fernanda criou um hábito terapêutico de ler antes de dormir, por pelo menos uma hora. A obra da vez é o livro “Bebês espíritos: como se comunicar com a criança que você está destinado a ter”, do autor Walter Makichen.

Acabei de terminar esse livro e amei, me ajudou muito nesse período da perda gestacional. Essa semana eu estaria completando 3 meses de gestação. Nunca vou esquecer do meu anjinho de luz”, desabafou a atriz.

Nos comentários da postagens, uma grande onda de apoio começou a surgir. Mulheres começaram a dividir suas histórias de superação depois de duras perdas gestacionais. “Passei por isso, sei bem o e está sentindo. A gente nunca esquece, mas o tempo faz ficar mais leve as recordações. Fique em paz, e boas leituras!”, desejou uma das seguidoras. “Vai passar! Perdi com 10 semanas e todos os anos lembro do dia que perdi, mesmo depois de ter engravidado depois e ter dado tudo certo, sempre fica a lembrança. Tudo passa, só fica o aprendizado”, enfatizou outra.

O apoio a atriz começou logo após a postagem em que ela revelou a perda do bebê, no dia 26 de abril. Com muita sinceridade, Fernanda explicou que fazer uma publicação sobre o assunto foi necessária para ela conseguir lidar com os sentimentos doloridos que surgiram com a perda do filho. “Nossa despedida foi inesperada e dolorosa, emocionalmente e fisicamente. Resolvi falar sobre a dor que estou vivendo, porque tenho achado exaustivo demais esconder essa dor, exaustivo demais fingir que nada aconteceu”.

View this post on Instagram

8 semanas atrás, nós estávamos celebrando a alegria de uma vida nova crescendo dentro de mim… Tive a alegria de viver 6 semanas intensas, com esse bebezinho na minha barriga, eu tenho certeza que essa sementinha de luz, que estava dentro de mim, veio pra me proteger e me ensinar muito, nesse curto período de tempo. Infelizmente, eu tive que aceitar e entender que esse bebezinho já estava pronto para se tornar luz, para se tornar energia pura… Nossa despedida foi inesperada e dolorosa, emocionalmente e fisicamente. Resolvi falar sobre a dor que estou vivendo, porque tenho achado exaustivo demais esconder essa dor, exaustivo demais fingir que nada aconteceu. Quem me conhece sabe que estou diferente, passei somente 6 semanas com esse bebezinho na barriga, mas ele me transformou pra sempre. Sei que vai passar, mas nesse momento, em meio a queda brusca dos hormônios, estou sentindo muita falta daquela vida nova, daquela luz que crescia dentro de mim… Lá no fundo, sei que essa luz vai estar sempre perto de mim, sempre comigo, só preciso de tempo. Sei que o tempo vai curar as feridas que ficaram… Mas nunca vou esquecer desse meu bebêzinho, que não tive a chance de segurar no colo… Aproveito pra mandar muito amor pra todas as mulheres, que como eu, viveram essa perda… Pouco se fala abertamente sobre esse assunto, mas é sempre bom saber que não estamos sozinhas, 1 em cada 4 mulheres já sofreu uma perda gestacional. Se você também infelizmente sofreu uma perda gestacional, saiba que você não está sozinha. #miscarrige #perdagestacional #sharingforhealing #compartilharparacurar #ihadamiscarrige

A post shared by Fernanda Machado (@realfemachado) on

A gestação interrompida seria o segundo filho da relação com o marido Robert Riskin. Eles já têm o primogênito Lucca, de 3 anos.