Julia Lemmertz: “Queria uma Helena em minha vida”

Julia Lemmertz encara a missão de reviver Helena, protagonista de Em Família, no mesmo papel que fez sua mãe, Lilian Lemmertz, brilhar na TV e iniciar a saga da heroína de Manoel Carlos, que agora chega ao fim.

A última Helena de Manoel Carlos se emociona ao interpretar um papel que já foi de sua mãe
Foto: TV Globo/Divulgação

Difícil Julia Lemmertz segurar as lágrimas quando o assunto é o seu novo trabalho.

Em Família tem um sabor especial para ela. Afinal, dar vida à última Helena escrita por Manoel Carlos garante um misto de saudade e prazer a cada cena gravada.
 
Como o autor decidiu encerrar sua trajetória como escritor de novelas,ele resolveu convidar Julia para ser protagonista. A escolha da gaúcha, de 50 anos, é simbólica.
Ele presta uma homenagem à mãe dela, Lilian Lemmertz, a primeira atriz a interpretar a famosa heroína em Baila Comigo (1981). “Eu fico muito emocionada. É até difícil falar. Dá vontade de dar uma choradinha bem bacana num cantinho”,
diz a estrela, com os olhos marejados, sobre o atual projeto.
 
Desejo realizado
Apesar de nunca ter anunciado que gostaria de interpretar uma protagonista de Maneco, Julia confessa que lá no fundo de seu inconsciente, sempre desejou dar vida à personagem. “Queria uma Helena em minha vida, mas tem coisas que a gente deseja tanto, que guarda no íntimo. É como se fosse algo que eu desejasse, mas nunca tivesse falado nem para mim”, revela,rindo de si mesma. O curioso é que a parceria entre a atriz e o novelista nunca havia acontecido até agora e, lá no íntimo, a gaúcha desejava ter em seu currículo profissional (e afetivo) uma produção do autor. “Esse trabalho veio em um momento bárbaro da minha vida,de força e amadurecimento. Eu me sinto merecedora”, afirma a artista, que emenda: “Sabia que eu e Maneco estaríamos juntos em um trabalho. Nosso encontro já estava marcado há algum tempo. Quero exercer o meu ofício com categoria e espero honrá-lo”.
 
Saudade sem fim
Sensível, Julia sempre é tomada pela emoção quando relembra a história da mãe durante a entrevista.
Com uma trajetória brilhante em teatro, cinema e TV, Lilian se despediu do público prematuramente, aos 48 anos, vítima de um infarto. “É lindo pensar que dentro da novela tem essa homenagem à minha mãe. É quase como se ela estivesse aqui comigo”, explica. Julia ressalta ainda o que lembra da época em que Lilian interpretava Helena. “Era adolescente, quando ela gravava Baila Comigo aqui no Rio. Eu morava em São Paulo e vinha visitá-la nos estúdios. Lembro que minha mãe estava muito realizada.
Apesar de já ter uma longa carreira, o papel a deixou muito popular. Existia felicidade e prazer em interpretar aquela personagem”, recorda a estrela, que divide
um detalhe que a marcou. “Depois que ela morreu, fui ao seu apartamento e, ao arrumar as coisas, encontrei todos os textos de Baila Comigo. Ela amou o roteiro e o guardou com o maior carinho.”
 
Tudo na hora certa
Com Em Família no ar, Julia já sentiu que interpretar Helena não é tarefa fácil. “É uma personagem de contrastes. Nem sempre suas atitudes estão certas. Tentando acertar, às vezes, erra. É uma mulher de verdade. Uma construção de personagem bastante complexa,por sinal”, define.
 
Com 33 anos de carreira, a estrela acredita que não estaria preparada para o papel, caso ele tivesse surgido anos atrás. Para ela, esse trabalho só é possível em função de sua trajetória. “A maturidade profissional que tenho hoje é o que me permite esse grau de entrega”,contata. Envolvida de corpo e alma na história de Em Família, a atriz admite que encontra características suas na personagem. “O Maneco sempre fala que ao escrever se inspira no ator que vai interpretar aquele papel. Acredito que eu tenho o senso de justiça dela.Sou muito maternal também”, reflete
 
Julia Lemmertz: "Queria uma Helena em minha vida"

O carinhoso encontro da estrela com o autor, na coletiva da novela das 9. Ao fundo Bruna Marquezine
Foto: TV Globo/Divulgação

Julia, que diz encontrar todos os elementos de que precisa no texto de Manoel Carlos. “É tão bom e tão bem escrito, que a gente dispensa qualquer tipo de laboratório.Tudo o que é importante para a ação e emoção do papel está escrito no roteiro. Ele (o autor) nosdá o personagem pronto”, elogia.Aliás, Manoel Carlos já confessou ter usado algumas passagens das longas conversas entre ele e a atriz na história de Helena.

Vida saudável

Uma vez que o emocional já estava resolvido, foi preciso focar na caracterização.A atriz conta que teve que colocar megahair para deixar os cabelos mais volumosos e os fios ainda ganharam um tom de mel. Sempre esguia, Julia não teve necessidade de fazer nenhum tipo de dieta específica. Ela normalmente frequenta aulas que misturam alongamento e dança e é adepta da meditação transcendental há 30 anos. Ou seja, não vai faltar disposição para encarar a longa jornada de gravação que a protagonista exige. “Espero que todos gostem”, torce a nova Helena.
Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s