Klara Castanho fala sobre seu retorno à TV, empoderamento e redes sociais

Conversamos com Klara Castanho, atriz popular nas redes sociais e que volta à TV após três anos como estrela da nova série da Warner 'Mal Me Quer'.

Aos 18 anos, Klara Castanho já fez de um tudo: cinema, TV, teatro e série. A menina famosa e adorada na mídia e nas redes sociais costuma conquistar o público em cada papel que representa – na maioria deles, papéis que se desenvolvem no núcleo familiar – e agora mais um deles está prestes a estrear.

Ela está no elenco de ‘Mal Me Quer‘, nova série do canal Warner que conta a história de um casal que, diante de uma possível falência, se vê obrigado a se divorciar para salvar seus bens. Ana Reber e Rodrigo Castilho assinam o roteiro e Ian SBF dirige a produção.

A trama acompanha a rotina e os acontecimentos atrapalhados da família que é composta por Marcel (Felipe Abib), um agente de viagens, Olívia (Julia Rabello), uma dentista, e os três filhos do casal: Bruna (Chiara Scalett), a mais nova, JP (Lipe Volpato), o do meio, e Manuela (Klara Castanho), a mais velha. A comédia é bem leve e promete segurar a atenção do público por trazer um assunto comum e de conhecimento de muita gente.

 (Warner Channel/Divulgação)

Veja também

O MdeMulher conversou com a Klara, estrela que interpreta a irmã mais velha na trama, sobre o seu retorno à televisão, empoderamento feminino e o uso das redes sociais.

Desde 2016, a atriz não havia participado de uma produção nas telinhas. Fez teatro e trabalhou no cinema em filmes como ‘É Fada!‘, com Kéfera Buchmann, e ‘Tudo Por um Pop Star‘, com Maisa Silva. Apesar de serem plataformas e estilos diferentes, Klara diz que sempre está disposta a um trabalho novo. “Pra mim é sempre muito enriquecedor. Encaro como um recomeço.”

A respeito de “Mal Me Quer”, a jovem afirma estar feliz com o novo trabalho e muito ansiosa para a sua estreia. “Pra mim foi um grande trabalho [..] A gente acredita muito na história porque é uma história muito real. É uma história que eu sei que muita gente vai se identificar”, diz.

A personagem Manuela é descrita por Klara como a mais insensível e imatura dos três, mesmo sendo a mais velha, e conta que a experiência de vivê-la na série foi motivadora e que ela mesma conhece “muita gente Manuela” por ser uma garota muito real.

Klara Castanho, Lipe Volpato e Chiara Scalett interpretam os três filhos do casal em dívida.

Klara Castanho, Lipe Volpato e Chiara Scalett interpretam os três filhos do casal em dívida. (Warner Channel/Divulgação)

Ela também comenta sobre a personalidade e a peculiaridade de Manuela que, por mais que tenha defeitos, se mostra muito determinada naquilo que quer e o que planeja para seu futuro. “Eu nasci numa geração que é muito determinada e eu acho que a Manu faz parte dessa geração”, complementa ela.

Klara já atingiu a maioridade e observa a importância de jovens meninas, assim como Manuela e ela, se posicionarem e se mostrarem como detentoras de seus direitos e vontades. “Nós vivemos ainda, infelizmente, num mundo em que precisamos provar as coisas. E simplesmente por ser mulher, a gente é colocada em uma pastinha de incapaz ou de frágil. E a gente vem quebrando muito isso. Nenhuma mulher é menor que qualquer outra pessoa”, afirma.

E se posicionar a favor dos direitos das mulheres reforça a maneira como a atriz se apresenta às pessoas. Em suas redes sociais, Klara recebe comentários elogiosos e carinhosos dos fãs, mas contramão, ela é alvo de assédio e de situações desconfortáveis que são resultado de provocações desnecessárias de alguns usuários em seus publicações.

View this post on Instagram

can’t get over

A post shared by Klara Castanho (@klarafgcastanho) on

Ela conta que sempre teve uma relação muita próxima e aberta com os pais, e que são eles mesmos que “vistoriam” e filtram os comentários para que nada desse tipo possa provocar uma reação desagradável na filha. “As pessoas acham que como elas estão atrás de uma tela de celular e de um computador existe uma impunidade muito grande. E não é assim que as coisas funcionam”, comenta a jovem.

“Eu tive a sorte de ter meus pais por trás de mim para que isso não chegasse até mim. Eu sei que existiram algumas coisas, mas que já foram mediadas pelos meus pais, então já não chegaram a me atingir”, conta.

Entre transições de redes, cinema, TV e exposição na mídia, Klara Castanho está confiante. Ela reafirma que se sente sortuda pela relação saudável com os pais e também que está aberta a trabalhar em todo tipo de plataforma. “Eu quero continuar atuando independente de onde seja. Eu sou muito feliz fazendo o que eu faço e não importa em qual formato eu estou. Estou feliz fazendo o que me colocarem pra fazer”, conclui.

A comédia ‘Mal Me Quer’ estreia no canal Warner nesta quinta-feira (7/2), às 19h35, e é uma parceria com a Boutique Filmes, a mesma produtora de ‘3%‘, da Netflix.