Ludmilla rebate vaias com discurso poderoso no Prêmio Multishow 2019

A cantora levou para casa os prêmios de Música Chiclete, com 'Onda Diferente', e Melhor Cantora.

Na última terça-feira (29), aconteceu o Prêmio Multishow 2019 e uma das grandes vencedoras da noite foi a cantora Ludmilla, com duas estatuetas. Ela levou para casa o troféu de Música Chiclete, com ‘Onda Diferente’, e de Melhor Cantora. E foi ao conquistar o segundo prêmio que ela deu um discurso poderoso sobre empoderamento feminino – e ainda rebateu as vaias que havia ouvido anteriormente.

Ao subir no palco para receber o prêmio de ‘Onda Diferente’, ao lado de Papatinho, Ludmilla foi vaiada por alguns fãs de Anitta pela confusão que aconteceu recentemente entre elas por causa da canção. Ao subir novamente no palco, para receber o prêmio de Melhor Cantora, ela rebateu as vaias.

A dona do álbum ‘Hello Mundo’ não escondeu a felicidade por ter sido exaltada depois da situação. Durante toda a caminhada até o palco, ela vibrou muito e assim que segurou o microfone para comentar a vitória, não conteve o choro. Depois de muita emoção, Lud mandou o recado:

“Esse choro aqui é de uma luta muito grande, muito longa, que estava preso dentro de mim. Eu não esperava isso nunca, Melhor Cantora do ano. Mas eu só queria dizer para todas as meninas, para todas as mulheres, para todas as pessoas periféricas: nunca, nunca mesmo, deixe ninguém falar o que você é ou o que você pode ser na vida de vocês. Se vocês têm um sonho, por favor, lutem como uma garota e vão atrás dele, porque vocês vão conseguir. Eu queria agradecer aos meus fãs, à minha família, a todo mundo e até as vaias de vocês também: obrigada pelas vaias. Elas me fazem sempre pensar no que eu gostaria ou não que fizessem com as pessoas”.

Veja o momento:

A treta com Anitta

Durante o Rock in Rio, Ludmilla foi criticada ao dizer que estava emocionada por ver Ivete Sangalo cantando a música dela (‘Onda Diferente’) – como se tivesse esquecido de Anitta, Snoop Dogg e Papatinho.

Mais tarde, nos stories do Instagram, a cantora explicou a história que existe por trás da parceria. Antes mesmo da música ser lançada, Lud havia apresentado a canção para a produtora, entretanto, eles não toparam lançá-la. Descontente, a cantora publicou a composição na internet e ela viralizou – como aconteceu com ‘Din Din Din’.

“Mas como eu gostei tanto da musica, falei: ‘não vou deixar essa música guardada aqui’. E acabei postando a música na internet. A música começou a viralizar na internet, começou a crescer muito e daí a Anitta viu e falou: ‘cara, vamos gravar essa música’. Falei: ‘vamos. Mas o problema é que a música já está na internet e está crescendo muito’. E ela falou: ‘vamos apagar essa música da internet’”, contou Lud na rede social. 

Em seguida, a cantora explicou que começou todo um movimento para excluir qualquer resquício da música para que ela pudesse ser lançada oficialmente em janeiro deste ano. Anitta também sugeriu a parceria com um cantor estrangeiro e elas chegaram ao Snoop Dogg. A condição dele para que o feat. fosse lançado era que 50% dos direitos autorais fossem entregues a ele. Lud aceitou o acordo e a música foi ao ar em todas as plataformas digitais, rendendo também um clipe.

A cantora também aproveitou para explicar que a ausência do nome do Snoop Dogg nas informações do Spotify era um erro da plataforma e que o rapper realmente havia recebido 50% como combinado.

 (Spotify/Reprodução)

☆ Pedras, cristais e rituais de proteção: saiba como usar ☆