Marcos Mion expressa indignação sobre caso de assédio em ‘A Fazenda’

"Assediadores e abusadores não passarão!", enfatizou o apresentador sobre a atitude de Phellipe com Hariany.

A 11ª edição de A Fazenda, reality show da Record, já começou toda errada. Na madrugada da última sexta-feira para sábado (28), Hariany e Phellipe entraram em uma discussão intensa, até que o peão ultrapassou todos os limites e roubou um beijo da participante. O assédio causou a expulsão de Phellipe do programa e a indignação de muitas pessoas, como do próprio Marcos Mion.

Nesta segunda-feira (30), o apresentador do programa usou o Instagram para se posicionar sobre o assunto. Na legenda do vídeo, ele deixou bem claro que na noite anterior havia aparecido apenas para transmitir a decisão da emissora e que ali, na rede social, era o discurso pessoal dele.

“Começo o vídeo mostrando a situação de ontem, como apresentador, onde eu tenho que apenas passar adiante o comunicado perfeito do departamento jurídico da Record, mas aqui nas minhas redes eu PRECISO falar como cidadão. Porque o sangue ferve e é impossível ficar quieto. Por isso peço licença ao programa para dizer que: assédio, abuso e qualquer situação de violência de qualquer espécie contra mulheres são crimes”.

Mion também aproveitou para explicar o porquê de achar imprescindível falar sobre o assunto: “que a situação do programa sirva de exemplo para todas mulheres que não se sentem fortes para denunciar, tomarem essa atitude. Que sirva de exemplo para todos homens que acham que é normal sair roubando beijos e passando a mão em mulheres. Assediadores e abusadores não passarão!”.

Veja o vídeo do apresentador: