“Minha intenção não foi fazer algo pra agradar”, diz Paula Fernandes

A cantora comentou a polêmica em torno do "juntos e shallow now" que aparece em sua mais nova música.

“Juntos e shallow now” é a frase do momento desde que um trecho da nova música de Paula Fernandes, em parceria com Luan Santana, foi divulgado nessa sexta-feira (17). Batizada de “Juntos”, a canção é uma versão brasileira de “Shallow”, hit da trilha sonora do filme “Nasce Uma Estrela” – entoada originalmente por Lady Gaga e Bradley Cooper.

View this post on Instagram

#Repost @hugogloss with @repostapp ・・・ Juntos e Shallow Now! Recebam, em primeira mão, o refrão de “Juntos”, a versão de Paula Fernandes e Luan Santana para o super hit “Shallow” de Lady Gaga e Bradley Cooper! A releitura escrita pela mineira e aprovada pela Mother Monster chega às plataformas digitais neste domingo (19)! “Juntos” integrará o novo DVD de Paula, “Origens”, a ser gravado em 12 de junho! Luan cantará juntinho dela na ocasião… Já quero muita química igual no Oscar! Kkkkkk (Video: @paulafernandes) Tá chegando a hora… frio na barriga, porém a certeza que vão curtir muito "Juntos"! @luansantana, meu Bradley, nossa filha está nascendo! Dia 19/05 em todas as plataformas digitais!

A post shared by Paula Fernandes (@paulafernandes) on

A mistura de português e inglês foi duramente criticada e virou piada nas redes sociais. Mesmo assim, Paula Fernandes é categórica em defender sua composição, segundo publicou a Veja São Paulo.

Para início de conversa, a sertaneja afirma que Lady Gaga em pessoa aprovou sua composição. “Escrevi em uma madrugada, mandei um áudio com guia de voz e violão e a letra. A resposta foi rápida. Ela [Lady Gaga] não mexeu em uma vírgula sequer”.

Quanto à ideia de deixar as palavras em inglês em sua versão, Paula justifica dizendo que “o trecho shallow now da música original é o que o brasileiro sabe”. E ela garante que agradar as pessoas não foi sua prioridade na hora de escrever a canção: “A minha intenção não foi fazer algo pra agradar, nos moldes nacionais, queria fazer essa mistura. Ficou foneticamente bacana”.

No mais, Paula diz que está se divertindo com a repercussão altamente debochada de “Juntos”. “Já virou bordão. Tem gente dizendo ‘tô afim de fazer um juntos e shallow now com você’. Tem uns ótimos”.

Conheça os signos que todo mundo odeia – escute no nosso podcast!