Morre aos 61 anos Anthony Bourdain, chef, escritor e apresentador de TV

O apresentador de "No Reservations", que rodava o mundo mostrando a culinária de cada local, morreu na França.

Morreu nesta sexta (8) o chef, escritor e apresentador de TV Anthony Bourdain. Ele foi encontrado em um quarto de hotel, e, de acordo com a CNN, suicidou-se.

Autor de nove livros publicados, Bourdain ganhou fama mundial em 2000 ao lançar “Cozinha Confidencial – uma aventura nas entranhas da culinária“, em que contava suas experiências como chef de cozinha de um jeito cru e divertido. Drogas, violência, sexo e bebedeiras não faltam na obra, que virou um clássico instantâneo para os fãs de culinária.

Em 2002 ele ganhou o próprio programa de TV, “A Cook’s Tour“, mas consagrou-se de verdade com “No Reservations“. No ar de 2005 a 2012, o programa levava Bourdain aos mais diversos lugares do mundo, onde ele tinha a oportunidade de provar a culinária local com a ajuda de moradores das cidades que visitava.

Ele esteve no Brasil diversas vezes, gravando programas em São Paulo, Rio de Janeiro, Belém do Pará e Salvador, entre outras cidades. Suas dicas certeiras consagraram muitos estabelecimentos, inclusive pequenas barracas de comida de rua e pequenos comércios.

Depois de “No Reservations”,  Bourdain seguiu investindo nos programas que misturavam culinária e turismo, e criou “The Layover“, no ar entre 2011 e 2013. Atualmente ele apresentava um programa na CNN chamado “Parts Unknown“. Um dos episódios contou inclusive com a participação do ex-presidente dos EUA Barack Obama.

Bourdain estava gravando um episódio de “Parts Unknown” em Estrasburgo, na França, quando morreu.

 

 

A importância de Mercúrio no seu Mapa Astral – escute já!