Quem vai ficar com Rory não importa, diz autora de Gilmore Girls

"Eu não vejo as pessoas debatendo 'Em qual jornal será que Rory está trabalhando?'", desabafa Amy Sherman-Palladino à revista Time.

Para quem tem passado os dias discutindo, desde o anúncio do retorno de Gilmore Girls (e do retorno de Dean, Jess e Logan), quem seria o ~par perfeito~ para Rory, a criadora da série tem uma mensagem especial: apenas PAREM de falar nisso. Sério!

copo

Em entrevista à revista Time, Amy Sherman-Palladino desabafa:

“Isso é uma parte tão pequena do que Rory é. Ela não passava seus dias pensando ‘com quem eu vou ficar no final?’. Rory sempre esteve muito mais preocupada com ‘como eu consigo uma entrevista no New York Times?'”, ela diz. “Às vezes eu queria que essa coisa com Dean e Jess não fosse tão importante – porque, quando olhamos a vida de Rory como um todo, quem era ou não era seu namorado aos 16 anos é algo tão pequeno”.

Ué, e o Logan?!, você pode estar se perguntando. E a gente responde: não, ele não foi deixado de lado nos ácidos (e, convenhamos, necessários) comentários da roteirista. “Fez parte do desenvolvimento dela o fato de Dean ter sido seu primeiro namorado, de Jess ter sido o menino que chamou sua atenção. Aí, ela acabou com o Logan – e só Deus sabe onde ela esteve desde então”.

screen-shot-2016-11-03-at-3-23-50-pm

“Eu não vejo as pessoas debatendo ‘Em qual jornal será que Rory está trabalhando?’, ‘Será que ela já ganhou um Pulitzer?’. É sempre sobre Dean e Jess”, continua Amy. “Dean tinha 16 anos quando eles namoraram. Acho que todo mundo deveria parar e pensar sobre os namorados que tinham aos 16 anos – e aí pensar se esse realmente deveria ser o foco da conversa“.

*PAF*! Acho que o recado foi dado, né?