O revoltante conselho que Kristen Stewart recebeu para fazer mais sucesso

Em destaque no Festival de Veneza e prestes a lançar o remake de "As Panteras", Kristen abre o jogo sobre um tema polêmico.

Quem acompanha minimamente a vida da atriz Kristen Stewart sabe que ela não esconde de ninguém que se relaciona com mulheres. Há anos ela vem falando sobre isso abertamente e já foi vista em público com diferentes namoradas.

Há algum tempo, Kristen também tem se jogado de cabeça em projetos bem artísticos no cinema. Ela já é figurinha carimbada nos festivais mais cultuados do gênero e dias atrás esteve em Veneza para o lançamento do filme “Seberg”. Em Cannes, fez parte do júri oficial em 2018, três anos depois de receber o prêmio César de Melhor Atriz Coadjuvante, por “Acima das Nuvens”. Agora, está prestes a lançar um filme comercial: o remake de “As Panteras”.

Mas Kristen revela que Hollywood não é um lugar em que ela é recebida de braços totalmente abertos. “Já me disseram com todas as letras: ‘se você quer fazer um favor a si mesma, não ande de mãos dadas com sua namorada em público, você pode conseguir um filme da Marvel”, diz ela em entrevista a Harper’s Bazaar, e acrescentou: “Eu não quero trabalhar com pessoas assim”.

Na mesma entrevista, a atriz diz que não se categoriza como lésbica e nem como bissexual. “Eu acho que nós todos estamos meio que chegando num ponto em que – eu não sei, a evolução é uma coisa esquisita – nós estamos nos tornando incrivelmente ambíguos. E isso é algo realmente maravilhoso”.

Mesmo assim, Kristen não é nem um pouco ambígua ao defender sua liberdade no que diz respeito a relacionar-se com mulheres – sem se esconder. Ao ser questionada sobre a decisão de tornar isso público, ela responde: “Bem, acho que eu apenas quero aproveitar minha vida. E isso é uma prioridade maior do que proteger minha vida, porque, ao protege-la, eu estava arruinando minha vida”.