Pabllo recusa prêmio e explica, mais uma vez, que não é uma mulher trans

Novamente, Pabllo explicou que é "um homem de peruca", e se veste de mulher única e exclusivamente por ser uma drag queen.

Diretamente de Miami para concorrer aos “Prêmios Juventud” na categoria Melhor Coreografia com a música “Caliente”, em parceria com Lali, Pabllo Vittar postou uma série de stories no Instagram para explicar (mais uma vez!) que não é uma mulher transexual. O motivo que levou ao posicionamento dele foi o fato do organizador do concurso Miss Bumbu, Cacau Oliver, ter dito que ele poderia ganhar o prêmio Miss Bumbum Transex.

“Eu vi que saiu uma matéria em que elegeram o bumbum mais bonito e tals. E aí eu ganhei o bumbum mais bonito transex, só que todo mundo sabe que eu sou um homem de peruca. Um viado doido. Vocês já viram a bunda da Urias? Da Mel? Da Kiara? Dê o prêmio para as bonitas”, esclareceu o cantor.

O posicionamento de Pabllo Vittar é importante para que as pessoas entendam que, assim como Gloria Groove e RuPaul, ele é uma drag queen. Isso significa que ele se veste como uma mulher pela arte e pelo entretenimento. Há também o detalhe da maquiagem, da peruca e dos vestidos escolhidos serem exagerados, para que tudo pareça um grande espetáculo. 

Essa não é a primeira vez que Pabllo falou sobre o assunto. Em uma entrevista à “Glamour” em 2017, a drag deixou bem claro com qual gênero se identifica: “Com o masculino. Sou um menino drag”. E ainda desmentiu as suposições sobre cirurgias para mudança de sexo e, consequentemente, se reconhecer com uma mulher trans. 

Eu realmente me esforço para me parecer com uma garota. Aí, já viu, né?! As pessoas pensam que estou passando por transições cirúrgicas. Só que não. Não sou trans! Não quero mexer no meu corpo, fazer cirurgias… Sou feliz como sou”, pontuou a drag. 

A importância de Mercúrio no seu Mapa Astral – escute já!