Participante culpa adversária por eliminação no MasterChef Brasil

Como é que um participante que vai super bem na primeira prova consegue ser eliminado do 'MasterChef Brasil'? Existe uma explicação!

Com os 21 participantes selecionados após trocentos duelos realizados nos programas anteriores, o ‘MasterChef Brasil‘ iniciou hoje pra valer a sua quinta temporada. Para começar essa nova etapa do programa, Ana Paula Padrão anunciou que seria dia de Caixa Misteriosa. Os participantes tiveram de escolher entre uma caixa de vidro, na qual eles conseguiam ver os itens do prato que poderiam utilizar, ou uma caixa de madeira em que não poderiam ver os itens. Estariam eles dispostos a apostar logo no primeiro dia de disputa?

A caixa misteriosa e a caixa não-tão-misteriosa-assim

Como as caixas transparentes possuíam itens mais simples e menos arriscados, quem escolhesse uma dessas teria 15 minutos menos para a execução do prato ou seja apenas 45 minuto, já a caixa misteriosa tradicional de madeira garantiria uma hora de prova para a atividade. 14 dos participantes escolheram a caixa misteriosa (que tinha itens como caju, chuchu, chocolate, grão de bico e pato) enquanto os outros 7 participantes pegaram a caixa “segura” (que havia itens como creme de leite, arroz, batata e bacon).

Dalvio com problemas com o processador, o Padre Evandro tacando fogo em pano de pratos e Eliane queimando seus chuchus foram os destaques dessa prova inicial, que mesmo com vários participantes foi bastante dinâmica e corrida.

Os jurados passaram em todas as bancadas para experimentar os pratos e ao final selecionaram os destaques tanto positivos quanto negativos. Angélica e Dalvio foram muito bem avaliados. Já Tereza e Vinicius foram duramente criticados. Seus pratos foram até chamados de intragáveis pelos jurados, que questionados se eles sabiam cozinhar e se tinham realmente paladar. Pesado.

Com o fim dessa rodada, os 3 piores foram automaticamente para a prova de eliminação com algumas desvantagens. Eliane, por ter sido a vencedora, ganhou uma imunidade e poderia salvar 5 companheiros, desde que não fossem os 3 piores apontados pelos jurados. A cozinheira amadora escolheu Thiago, Angelica, Andressa, Katleen e Aristeu. A decisão causou o desagrado de Dalvio, que considerou isso um um ato falho pois ele foi um dos 3 melhores da noite.

Desafio do Omelete Francês

A prova de eliminação foi uma omelete francesa. Parece simples, né? Só que não! O prato engana pela aparência simples, porém possui muitas diferenças da omelete que conhecemos e fazemos sempre em casa: a francesa é um pouco mais leve e macia. Para demonstrar a técnica, nada menos que Erick Jacquin ensinou receita com um desempenho e execução da técnica hipnotizantes. Tudo isso em 30 minutos.

Terminada a prova, os jurados passaram em cada uma das bancadas provando tanto os omeletes quanto os acompanhamentos. Se estivesse incrível, o cozinheiro amador era enviado direto ao mezanino, mas se tivesse qualquer falha ficaria na parte de baixo. Sete cozinheiros restaram na cozinha, que enfrentariam um desafio completamente inesperado: omelete francesa. Isso mesmo que você leu!

Desafio do Omelete Francês… DE NOVO

Henrique Fogaça explicou que algo fundamental para um cozinheiro amador é aprender com os erros, então eles tiveram mais uma chance de executar a omelete francesa do Jacquin. Com ressalvas, claro, afinal o ‘MasterChef Brasil’ não é um passeio no parque: agora eles têm apenas três ovos cada, e somente 15 minutos para a prova e Paola Carosella dando aquela pressão nos competidores. Enquanto os cozinheiros sofriam com o curto tempo, a jurada lembrava que Crisleine, na prova anterior, fez a omelete em 7 minutos e passou os outros 23 minutos de papo pro ar e mesmo assim estava saborosíssima. A contagem regressiva foi tensa, mas pelo menos rendeu memes.

Após a degustação das omeletes, ficaram apenas Dalvio e Tereza na berlinda. Por ter feito ovos mexidos, e não um omelete, Dalvio acabou sendo o primeiro eliminado. Os demais participantes do programa aplaudiram o cozinheiro durante sua saída, mas ele se mostrou bastante incomodado com as palmas de Eliane. O motivo é simples: a cozinheira optou por não salvá-lo na primeira prova, mesmo ele tendo um desempenho bom.

Na conversa com Ana Paula Padrão, Dalvio reclamou da atitude de Eliane pois ela não respeitou sua habilidade na prova. Já durante a gravação do depoimento da participante sobre esse caso, Eliane simplesmente riu quando falou sobre a eliminação do colega.

Como dizem no outro reality show: é fogo no parquinho!

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s