Pensamentos sobre Game Of Thrones: 6ª temporada, Episódio 8

A garota finalmente tem um nome.

Faltam só mais dois episódios para o grande final da 6ª temporada de Game Of Thrones – e parece que a cada segundo que passa nossos corações se apertam em uma maré de ansiedade. Vai ter Lady Stoneheart? Jaime e Brienne, já shippamos? Cersei vai enlouquecer? São tantas emoções por vir nos mais longos episódios de toda a temporada!

Westeros

“Eu escolho violência”. Foi com essa maravilhosa frase que ficamos depois do episódio da semana passada – e na ansiedade para o que foi o oitavo episódio “No One”, que nos aproxima cada vez mais do final de GOT. Ninguém sabe exatamente como ficou a cara da Montanha depois da ~franksteinizada~ que a Cersei fez, mas que ele virou um ótimo guarda-costas, isso sem dúvidas. Foi uma surra de Montanha na cara da Fé!

Reprodução/Game Of Thrones Reprodução/Game Of Thrones

Reprodução/Game Of Thrones (/)

A então Rainha Regente (agora só ré da Fé dos Sete) está pagando caro, bem caro por ter colocado um lunático no poder – e ter parido o que é pior do que Joffrey e Samwell Tarly juntos. O sempre-chato Tommen está ficando cada vez mais tonto e fazendo mais e mais besteiras: sua última peripécia foi proibir o julgamento por combate, tirando a chance de sua mãe de se ver livre, de uma vez por todas, do Alto Pardal. Por um instante, pareceu que Cersei ia matar ele ali mesmo.

Uma das teorias mais recorrentes sobre o destino de uma das últimas herdeiras da Casa Lannister não é muito boa. Rezam as lendas que Cersei irá enlouquecer de vez após a morte de Tommen, seu último filho vivo, concretizando toda a profecia que uma maegi fez para ela quando era pequena. Nessa insanidade de uma mãe de luto, ela seguiria pelo mesmo caminho que Aerys, o Louco: o do fogovivo. No final do anúncio real, ela e o mesitre Qyburn nos fazem pensar que essa teoria pode ser bem real. E aí, para evitar que Cersei destrua Porto Real, Jaime a assassinaria da mesma forma que fez com Aerys. Aff, que final triste!

Reprodução/Game Of Thrones Reprodução/Game Of Thrones

Reprodução/Game Of Thrones (/)

Reprodução/Game Of Thrones Reprodução/Game Of Thrones

Reprodução/Game Of Thrones (/)

Reprodução/Game Of Thrones Reprodução/Game Of Thrones

Reprodução/Game Of Thrones (/)

Reprodução/Game Of Thrones Reprodução/Game Of Thrones

Reprodução/Game Of Thrones (/)

“Aquele antigo boato que você me contou/Os meus passarinhos investigaram./E? É só um boato mesmo ou algo a mais?/ Mais. Muito mais./” 

Correrio

Aproveitando, vamos falar de Jaime? Ou melhor, a dupla mais incrível da série toda: Jaime e Brienne! Mesmo ele sendo um Lannister – e agindo como tal -, parece que algo dentro dele realmente mudou depois de Brienne. Parece que rola meio uma tensão romântica, meio só muita amizade, mas que os dois são BFF, isso eles são. O tchauzinho de Jaime permitindo que ela fugisse em segurança do castelo, depois da tomada do castelo dos Tully, partiu nossos corações! Enquanto sua amada escolhia a violência, Sir Jaime foi pelo caminho oposto. Quase pensamos que ia rolar a pior luta do ano dos dois – ainda bem que não teve esse duelo.

Reprodução/Game Of Thrones Reprodução/Game Of Thrones

Reprodução/Game Of Thrones (/)

Reprodução/Game Of Thrones Reprodução/Game Of Thrones

Reprodução/Game Of Thrones (/)

Braavos

EEEEEIITAAAA! A garota tem um nome sim e é Arya Stark, de Winterfell! Depois de apanhar, sofrer e quase morrer algumas vezes, finalmente Arya resolveu assumir sua verdadeira personalidade e voltar para casa. Apesar da teoria do episódio da semana passada ter se provado falsa – de que a moça esfaqueada não seria ela -, há ainda uma outra que faria um bom sentido. A ideia é que a luta entre Arya e a criança abandonada seriam a mesmo pessoa, mas a dualidade de ser Ninguém ou uma das herdeiras do Norte.

Reprodução/Game Of Thrones Reprodução/Game Of Thrones

Reprodução/Game Of Thrones (/)

Além disso, entendemos no final da luta entre as duas que tudo aquilo havia sido perfeitamente planejado pela garota: o caminho até um beco com a Agulha escondida, apagando as luzes e ganhando vantagem sobre a outra. Aliás, alguém aí percebeu como ela estava ótima depois de matá-la, sem ferimento algum? Jaqen só ficou lá com aquela cara de “odeio adolescentes”.

Meeren

Foi divertido ver Missandei, o Duende e o Verme Cinzento bebendo vinho e contando piadas? Foi sim. A alegria acabou rapidinho quando começaram a ver os Mestres dos Escravos chegando para buscar suas propriedades? Pois é: apesar de todo o trabalho de Tyrion, o tiro havia saído pela culatra. As sacerdotisas do Senhor da Luz estão distribuindo suas palavras de fé na Mãe dos Dragões, a cidade parecia calma e vivendo novamente. Mas quem é viva sempre aparece e a Filha da Tormenta, Não Queimada, Rainha de Meeren, Mãe de Dragões, Rainha dos Ândalos e dos Primeiros Homens chegou para lembrar o povo disso. Que tiro, meus caros!

Reprodução/Game Of Thrones Reprodução/Game Of Thrones

Reprodução/Game Of Thrones (/)

Quando Danny reapareceu e todo mundo ficou: “chegaaaaay, amores”

Irmandade

Com a volta tanto do Cão de Caça quanto do imortal Beric Dondarrion, algumas teorias vão se confirmando e outras desaparecendo lentamente. Vamos a lista:

Reprodução/Game Of Thrones Reprodução/Game Of Thrones

Reprodução/Game Of Thrones (/)

“Você é uma m*rda na hora de morrer, sabia?”

– Não haverá mais um Cleganebowl, como a internet queria. Com a proibição do julgamento por combate, lá se foi a chance dos irmãos Clegane se enfrentarem em uma luta que todos gostaríamos de ver. Chateada.

Reprodução/Game Of Thrones Reprodução/Game Of Thrones

Reprodução/Game Of Thrones (/)

– Para quem não se lembra, Beric Dondarrion apareceu na 4ª temporada em um duelo com Sandor Clegane, que o derrotou, matou e assim o viu nascer novamente, como o Senhor da Luz queria. Quando Beric o convida para se juntar a eles, dá para ver que Cão fica balançado com a possibilidade de consertar o que já fez no passado.

– Mais importante que tudo isso é que, talvez, nossos sonhos de ver a Lady Stoneheart nesta temporada tenha ido por água abaixo. Se você não conhece a história, aqui vai: nos livros, Catelyn Stark é trazida dos mortos pelo próprio Beric, que dá a sua vida no lugar da dela. A questão é que ela volta meio como a Montanha: viva, pero no mucho, mas com uma sede de vingança incontestável. Beric estando vivo deixa essa ideia um pouco afastada.

ALGUNS PENSAMENTOS RÁPIDOS

Snowbowl: não teve Clegane, mas vai ter batalha dos bastardos!

– Vamos fazer acontecer mais um encontrinho Stark e Snow, só que com Arya e Jon dessa vez?

– Cadê Os Outros?

– Mais emoção a cada episódio que nos aproxima da season finale;

– Não tivemos mais Dorne. Obrigada, aos Sete, ao Senhor da Luz e quem mais for!

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s