Raul x Izabel: quem merece ganhar a final do MasterChef Brasil?

Os spoilers contavam que Raul (#timebermuda) e Izabel (#timedonabenta) eram os grandes finalistas da 2ª temporada. Daqui pra frente, ninguém mais sabe!

A novela gastronômica que é a segunda temporada do MasterChef Brasil finalmente chegou à sua reta final. Depois de longos episódios, receitas incríveis (e outras nem tanto) e muita “sofrência”, Raul e Izabel são os grandes finalistas desta edição. Para quem já tinha lido os spoilers isso não era grande novidade, mas mesmo assim a saída de Jiang mexeu com os coraçõezinhos brasileiros.

Reprodução/TV Band Reprodução/TV Band

Reprodução/TV Band (/)

A #cebora errou em colocar a batata queimada no prato para os jurados, além de ter feito um “picadinho” de lagosta, quando o objetivo principal era destacar o fruto do mar. Revoltas superadas, agora é torcer para dona Bel ou seu Bermuda na final deste grande reality show da TV brasileira. Quem será que vai levar a melhor?

Reprodução/Band Reprodução/Band

Reprodução/Band (/)

Essa é uma disputa bem acirrada: ambos se destacaram bastante ao longo do programa, foram pouquíssimas vezes para a berlinda. Tiveram muitos pratos premiados como os melhores, talvez mais até do que os outros competidores. Dentre as receitas impressionantes estiveram o assustador Bife Wellington, os deliciosos camarões e batatas fritas com molho de polvo na prova de comida espanhola, a suculenta pastilla de carne moída e ainda um impressionante arroz negro com camarão.

Reprodução/Band Reprodução/Band

Reprodução/Band (/)

Bom, para te ajudar na escolha de um lado, relembramos a trajetória de cada um do seu jeitinho paulista/carioca na cozinha do MasterChef:

Izabel

Divulgação/Band Divulgação/Band

Divulgação/Band (/)

Sua paixão pela cozinha italiana teve seus momentos de amor e ódio, principalmente quando foi eliminada por sua lasanha não ser… bem, uma lasanha.

Reprodução/TV Band Reprodução/TV Band

Reprodução/TV Band (/)

Na prova da repescagem, ela conseguiu galgar seu lugarzinho entre os competidores mais uma vez!

Reprodução/TV Band Reprodução/TV Band

Reprodução/TV Band (/)

Teve gente que achou ruim, mas na primeira temporada rolou a mesma história e a Sandra voltou, lembram?

E vale lembrar que ela conquistou 1 vitória em equipe, 3 individuais e esteve 7 vezes entre os melhores pratos.

Reprodução/TV Band Reprodução/TV Band

Reprodução/TV Band (/)

Ela serviu uma tartelete para Jacquin e esquecendo que tinha deixado o fundo removível da forma na tortinha sad

Reprodução/Band Reprodução/Band

Reprodução/Band (/)

Chora não Paola… Pelo menos estava boa!

E chegou a ficar entre os piores de novo quando Henrique Fogaça ensinou a fazer seu famoso Aligot, o purê de batatas com dois queijos que nós ❤

Reprodução/TV Band Reprodução/TV Band

Reprodução/TV Band (/)

Mas a verdade é que o grande problema de Izabel sempre foi seu nervosismo. A moça penou, hein!

Reprodução/TV Band Reprodução/TV Band

Reprodução/TV Band (/)

Ao que tudo indica, ela aprendeu bem sua lição com a sempre zen Jiang e representou a tranquilidade na semifinal:

Reprodução/TV Band Reprodução/TV Band

Reprodução/TV Band (/)

E garantiu seu lugar na final com o delicioso escalope de peixe-sapo com presunto de Parma e bochecha pochê. Uhul o/

Reprodução Band Reprodução Band

Reprodução Band (/)

Você pode aprender a preparar o super prato aqui!

Raul

Divulgação/Band Divulgação/Band

Divulgação/Band (/)

Ele sempre foi esse cara divertido, descoladex e paulista, meu! Desde o primeiro episódio vinha fazendo suas gracinhas – e cozinhando bem.

Reprodução/TV Band Reprodução/TV Band

Reprodução/TV Band (/)

Bem o suficiente para garantir suas 4 vitórias em equipe, 3 individuais e também para figurar 4 vezes entre os melhores.

Reprodução/TV Band Reprodução/TV Band

Reprodução/TV Band (/)

Tudo isso, claro, sem perder a alegria de explicar o prato mais ou menos bem para três chefs renomados mundialmente. Porque, né?

Reprodução/TV Band Reprodução/TV Band

Reprodução/TV Band (/)

E teve também Raul dando risada quando Fogaça perguntou sobre sua “linguiça” rs.

Reprodução/TV Band Reprodução/TV Band

Reprodução/TV Band (/)

Apesar de parecer esse cara tranquilão, Raul sempre se preocupou com seus pratos, sabores e até o empratamento de cada um deles. O nervosismo não chegava a ser igual ao da Izabel, mas também deixava o ambiente *tenso*.

Reprodução/TV Band Reprodução/TV Band

Reprodução/TV Band (/)

Nem ele acreditou quando soube que era o outro finalista!

Reprodução/TV Band Reprodução/TV Band

Reprodução/TV Band (/)

E claro que não poderíamos esquecer que nas audições ele “colou de berma”, como diriam os paulistanos.

Reprodução/TV Band Reprodução/TV Band

Reprodução/TV Band (/)

Até que essa temporada foi mais tranquila, mas quem sabe se haverá outro momento do pote dramático nesta final ao vivo?