Reynaldo Gianecchini: “Estou sozinho e encalhado”

De volta à telinha a partir do dia 8, o ator revela pra gente suas verdades mais secretas

Das passarelas, ele rumou direto para a televisão… E agora vai se lembrar dos tempos de modelo a bordo da próxima novela global das 23h, Verdades Secretas. É na pele do ambicioso Anthony Mariano que Reynaldo Gianecchini promete causar! O gato vai protagonizar cenas picantes e polêmicas com Marieta Severo, a poderosa Fanny, sua amante na história.

Em 2000, os dois atuaram juntos em Laços de Família, de Manoel Carlos. “Que acaso lindo, fico olhando apaixonada, pois ele virou um ótimo ator”, derrete-se a estrela, que participou da estreia dele na telinha.

Giane está solteiro. Desde o fim do seu casamento de oito anos com a apresentadora Marília Gabriela, ele não quis mais saber de compromisso. Mas não se faz de rogado e já trocou muuuitos beijos acalorados por aí. Ele aproveita a vida com intensidade, e ainda mais depois de sua vitória contra um câncer linfático descoberto em 2011.

Nesta entrevista, o querido artista conta um pouco mais sobre seu personagem, relembra que viveu uma crise ao estrear na televisão e revela suas verdades mais secretas. Confira!

Como define o Anthony?
Ele é um cara amoral. O personagem começa discreto, como manda o código dele de sobrevivência. Mas é ambicioso e quer se dar bem. Ama de um jeito estranho e tem os valores meio distorcidos. Por ser o amante da dona da agência, é visto como o “primeiro-damo”(gargalhadas). 

Thiago Duran/AgNews Thiago Duran/AgNews

Thiago Duran/AgNews (/)

Você também já foi modelo. Tem algo mais em comum com ele?
Não vejo quase nada em comum entre nós. O Anthony passa por cima dos outros. Eu não sou perfeito, mas ao contrário dele, tento ser uma pessoa legal (risos). Mas sempre há algo dentro da gente, uma raiva, uma mágoa, que dá para emprestar ao personagem.

Foi divertido gravar na São Paulo Fashion Week em abril?
Foi incrível! Gravamos bastante, é um ambiente muito familiar para mim, mas participei desta vez como personagem. Foi engraçado. As pessoas chegavam para conversar com a gente e não sabiam que estávamos gravando. Devem pensar que eu me acho. Mas, na verdade, o Anthony é quem estava ali se achando (gargalhadas). 

Em sua época nas passarelas, chegou a receber alguma proposta indecente?
O assédio é grande também com os homens. Na novela, vai existir um book blue (catálogo de prostituição masculina, similar ao book rosa, das meninas). Quando era modelo, nunca enfrentei isso. Passava longe dos lugares em que poderia acontecer.

TV Globo/Divulgação TV Globo/Divulgação

TV Globo/Divulgação (/)

Conhece alguma história envolvendo esses bastidores sombrios do mundo da moda?
Sei de pessoas que aceitam determinados tipos de presentes e sabem que vão ter de pagar um preço depois. Existem várias formas de alguém se vender.

Verdades Secretas promete causar polêmica. Teme que o folhetim sofra algum tipo de boicote ou críticas como aconteceu com Babilônia?
Não é porque uma novela mostra a homossexualidade que vai levar alguém a ser homossexual. A reação de algumas pessoas com Babilônia foi hipócrita, um retrocesso. Parece censura! Lutamos tanto pela liberdade de expressão e assistimos a um retrocesso.

Como tem sido as gravações da novela?
Maravilhosas, a equipe é entrosada. A Drica Moraes (que entrou na história de última hora) conseguiu se enquadrar tão bem com o elenco quanto a Deborah Secco (que saiu da trama para se dedicar à gravidez).

E voltar a contracenar com Marieta é legal?
Quando soube que ela faria a Fanny, fiquei imensamente feliz. A Marieta me acolheu de uma forma tão generosa quando comecei, foi paciente comigo. Sinto que tenho uma dívida. Agora terei a oportunidade de contracenar com ela mais maduro e preparado. É uma chance de me redimir (risos).