Reynaldo Gianecchini sobre beijo gay: “Acho que todo ator faria”

O ator, integrante do triângulo amoroso de Em Família, comenta sobre a aceitação do público em relação a casais homossexuais

Reynaldo Giannechi foi um dos artistas presentes no Vem Aí
Foto: Paduardo e Thiago Duran / AgNews

Cadu tem miocardiopatia dilatada (inflamação que afeta o músculo do coração), uma esposa dividida entre ele e outra mulher e ainda luta pelo sonho de ter seu próprio restaurante. É, a vida de Cadu não será nada fácil nas mãos de Manoel Carlos, autor de Em Família. Mas Reynaldo Gianecchini se mostrou preparado para as dificuldades que seu personagem enfrentará nos próximos capítulos da trama.

Sobre a relação cada vez mais latente entre Clara (Giovanna Antonelli) e Marina (Tainá Muller), o dono dos cabelos grisalhos mais desejados do Brasil crê que pelo menos os telespectadores mais novos estão aceitando bem o relacionamento das personagens. “Acompanho pelas redes sociais. O público jovem está aberto a gostar dessa relação. Eles estão comprando essa ideia de duas mulheres lindas que se seduzem”, opinou o ator, que completou: “Uma mulher buscar o reconhecimento em outra mulher, em uma relação, tem acontecido com bastante frequência, né? Tenho visto muito isso, mais do que a homossexualidade masculina. Tenho essa impressão”. 

Por outro lado, Giane reconhece que exista uma parcela da audiência que acha melhor a união entre Cadu e Clara. “Agora, o público mais conservador do Brasil prefere sempre a família tradicional, que é linda”, explicou. “Acho tão bonitinha a que a gente faz na novela: eu, a Giovanna e o filhinho. Sou fã deles”. Entusiasta da novela, o ator também se sente dividido sobre o rumo de seu núcleo. “Da dó de ver uma relação assim acabar. Mas acho que a vida é isso também. As pessoas sempre buscando coisas e repensando seus relacionamentos”, pontuou e validou: “Acho sempre bacana discutir a vida e novela é para isso, principalmente a do Manoel Carlos, que fala muito do cotidiano e da família”.

Reynaldo Gianecchini sobre beijo gay: "Acho que todo ator faria"

Na trama de Em Família, os personagens de Giannechini e Tainá Müller desputam o amor de Clara (Giovanna Antonelli)
Foto: Roberta Borges

Questionado sobre o tão comentado beijo gay masculino da Globo, de Amor à Vida, Giane não titubeou. “Achei um avanço legal. Claro que faria também. Tem algum ator que não faria? Acho que não existe isso”, revelou.

Além de protagonizar o drama familiar na novela das 21h ao lado de Giovanna Antonelli, Giane integra o elenco do filme de sucesso S.O.S. Mulheres ao Mar, campeão de bilheteria no final de semana do lançamento do longa, e está em cartaz na peça A Toca do Coelho, ao lado de Maria Fernanda Cândido. Depois da novela, Giane decidiu que dará um tempo das telinhas e continuará se dedicando ao teatro e ao cinema. “Eu adoro fazer TV, né? Mas esse ano vai ser só Em Família”, finalizou.

☆ Pedras, cristais e rituais de proteção: saiba como usar ☆